Clóvis Gruner | Colunas

As vidas de Jacarezinho não merecem o luto

É principalmente o Estado quem produz os critérios políticos de reconhecimento, razão pela qual, a cada novo assassinato, além de defender e proteger a polícia, seus agentes tratam de criminalizar a vítima, tornada responsável por sua tragédia

Clóvis Gruner

A pandemia colocou em marcha a política genocida do governo

A condução deliberada de uma política que sabota, abertamente, medidas que podem salvar vidas, com o propósito de criar um ambiente de instabilidade política e fragilidade social, é uma prática genocida. E seus perpetradores não merecem ser chamados por outro nome, que não o de genocidas

Clóvis Gruner

Bolsonarismo, a nova face do fascismo brasileiro

O bolsonarismo emergiu em um contexto de fragilidade democrática, e como reação à retomada democrática do período pós-ditadura. Fenômeno político contemporâneo, ele extrapola o governo Bolsonaro, e provavelmente sobreviverá a ele

Clóvis Gruner

Precisamos parar de subestimar Bolsonaro

É hora de assumirmos que nos enganamos com Bolsonaro; parar de subestimá-lo e reconhecer a habilidade com que conduz seu projeto político autoritário, é um passo importante para uma oposição eficiente ao seu governo

Clóvis Gruner