Curitiba registra maior pico de confirmações de Covid-19 em 24 horas | Jornal Plural
29 jun 2020 - 17h19

Curitiba registra maior pico de confirmações de Covid-19 em 24 horas

Foram 489 confirmações – total de infectados passa de 4,7 mil

ATENÇÃO! A divergência entre dados municipais e estaduais acontece pois não há um sistema integrado de informações. Além disso, os critérios de divulgação da Secretaria da Saúde do Paraná e da Secretaria Municipal de Saúde são diferentes. Mais detalhes em breve.

Nesta segunda-feira (29), Curitiba registrou 489 novos casos de Covid-19 em 24 horas, totalizando 4.774 notificações da doença. Nem todos os exames positivos são do tipo de detectam o vírus, mas são de casos ativos – em que a infecção ainda está no organismo dos pacientes. Entre ontem e hoje também foram registrados cinco novos óbitos – ao todo, 145 curitibanos perderam a vida para complicações da infecção pelo coronavírus.

“Estamos em franca escalada tanto de casos quanto de óbitos”, disse a médica infectologista, Marion Burger. Segundo ela, os óbitos são a “ponta do iceberg”, o que salienta que ainda há muitas pessoas infectadas circulando pela cidade, contaminando locais e outras pessoas.

As novas vítimas foram um homem e quatro mulheres. O homem tinha 19 anos e uma leucemia agressiva diagnosticada, enquanto as mulheres tinham entre 50 e 82 anos. Todos os pacientes estavam internados em caso grave, e tinham fatores de risco para complicações.

Outras 368 pessoas estão internadas por complicações – 125 delas em UTIs, 25 fazendo uso de respiradores. A taxa de ocupação das 236 UTIs do SUS exclusivas para Covid-19 na capital é de 76% – todos aqueles que deram entrada no internamento com sintomas de síndromes respiratórias agudas graves vão para leitos exclusivos Covid-19 e não apenas os com casos confirmados. Em termos gerais, a ocupação dos leitos SUS está em 70% na cidade – com 344 de 490 leitos ocupados.

A capital registra, ainda, 2.695 pessoas que se recuperaram da doença; 2.913 casos descartados; e 485 suspeitos.

Paraná tem 600 mortes por Covid-19

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou nesta segunda-feira (29) 573 novas confirmações e mais 14 mortes pela infecção causada pelo novo coronavírus. O Paraná soma 21.089 casos e 600 mortos em decorrência da doença. No boletim de hoje há dois ajustes de municípios de residência em casos já confirmados.

De acordo com o informe desta segunda, 820 pacientes com diagnóstico confirmado de Covid-19 estão internados – 665 ocupam leitos SUS (239 em UTI e 426 em leitos clínicos/enfermaria) e 155 em leitos da rede particular (58 em UTI e 97 em leitos clínicos/enfermaria). Há outros 755 pacientes internados, 393 em leitos UTI e 362 em enfermaria, que aguardam resultados de exames. Eles estão em leitos das redes pública e particular e são considerados casos suspeitos de infecção pelo vírus Sars-CoV-2.

A secretaria estadual informa a morte de mais 14 pacientes. Todos estavam internados. São cinco mulheres e nove homens, com idades que variam de 33 a 90 anos. Os óbitos ocorreram entre 23 e 29 de junho. Os pacientes que faleceram residiam em Curitiba (5); Foz do Iguaçu (2); e uma morte foi registrada nos municípios de Cascavel, Itaguajé, Mandaguaçu, Maringá, Paranaguá, Presidente Castelo Branco e Sarandi.

No Paraná, 350 cidades têm ao menos um caso confirmado de Covid-19. Tapira e Nova Esperança do Sudoeste registraram casos pela primeira vez. Em 135 municípios há óbitos pela doença.

Fora do estado, segundo o monitoramento da secretaria, são 237 casos de pessoas que não moram no Paraná. Destas, 13 foram a óbito.

No boletim desta segunda-feira houve apenas duas alterações: dois casos confirmados em 25 e 26 de junho em Pinhais foram transferidos para Piraquara. Um caso confirmado em 23 de junho em Maringá foi transferido para Sarandi.

Se puder, assine o Plural. Você pode escolher o valor que quer pagar. Isso faz muita diferença para nós: ser financiados por leitoras e leitores. As assinaturas nos mantêm funcionando com uma equipe que hoje tem oito pessoas e dezenas de colaboradores. Somos um jornal que cobre Curitiba em meio aos obstáculos da pandemia e fazemos isso com reportagens objetivas, textos de opinião e de cultura, charges e crônicas. Obrigado pela leitura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias