21 maio 2022 - 9h33

Empanadas, parrilla, alfajor: onde comer comida argentina em Curitiba

Confira um roteiro para os amantes dos pratos típicos argentinos

A comida argentina virou uma verdadeira febre entre os curitibanos a julgar pela quantidade de cafés, bares e restaurantes especializados nos pratos típicos do país vizinho que podem ser encontrados na cidade.

Não é de agora que Curitiba conta com casas especializadas na parrilla, o churrasco argentino feito na grelha inclinada, mas a chegada de outros empreendimentos que servem a comida callejera, ou seja de rua, é mais recente.

Empanadas, alfajores, choripan e medialunas são hoje parte integrante da cena gastronômica curitibana. Para ajudar você a encontrar as melhores opções, o Plural preparou um roteiro de comida argentina em Curitiba. Confira a seguir.

Al Paso

Foto: Guto Souza/Divulgação.

Inaugurado no final de 2020, o Al Paso é uma portinha de 6 m² localizada no entorno do Mercado Municipal. As especialidades são empanadas, pastel de nata e chipa, um versão paraguaia do pão de queijo, feito com polvilho doce e mais queijo.

São seis sabores de empanadas como caprese, carne, cebola caramelizada e queijo, e pernil. As unidades custam a partir de R$ 7,50. As chipas de cebolinha ou com goiabada custa R$ 5. Os pastéis de nata são servidos em quatro versões, do tradicional de nata ao de frutas vermelhas, Romeu e Julieta, e chocolate (R$ 6,50 cada).

Serviço

Rua General Carneiro, 1480, Centro, Curitiba. De segunda a sábado, das 8h30 às 18h. Instagram: @alpasocuritiba.

***

Cabildo

Empanadas sortidas do Cabildo. Foto: Reprodução.

Inaugurado em 2016 por Horacio Klein e Carmen Britto, casal argentino que se mudou para o Brasil em 2000, o Cabildo serve 25 versões de empanadas entre salgadas e doces, com massa normal ou integral.

Os sabores vão dos clássicos como a salteña, feita com carne picada na ponta da faca, cubinhos de batata, ovo cozido, azeitona, cebola e temperos, aos especiais como a que leva recheio de queijo gorgonzola, queijo mussarela, aipo e nozes picadas.

A opção doce tem recheio de ricota adoçada e cubinhos de goiabada. As unidades custam a partir de R$ 9,55. A casa vende também combos com 12 empanadas sortidas e bebidas de acompanhamento a partir de R$ 117. Tem também alfajores de chocolate e doce de leite (R$ 7).

Serviço

Rua Visconde de Nácar 150, Mercês, Curitiba – (41) 3154 0141. Segunda a sábado das 17h30 às 22h45; domingo e feriado das 18h às 22h. Aceita encomendas de pelo menos uma dúzia de empanadas com um dia de antecedência para delivery e retirada no balcão. www.cabildo.com.br; Instagram: @cabildoempanadas.

***

Chinchu Bar y Parrilla

chinchu bar y parrilla Curitiba
Churrasco argentino é o carro-chefe do Chinchu Bar y Parrilla. Foto: Braian Bogu/Divulgação.

O Chinchu é um restaurante especializado na parrilla callejera, isto é, o churrasco argentino de rua. Os cortes de carne vão do chorizo ao ancho (ambas as opções custam R$ 79 e servem duas pessoas). Tem também espetinhos (de R$ 15 a R$ 19) e assados como o galeto (R$ 29,90), acompanhados de farofa de bacon e legumes feitos na churrasqueira, e bombom de alcatra (R$ 57 para uma pessoa).

Para beber, a casa serve chope Patagônia e vinhos tintos e branco, além de um e outro destilado. Você pode ler a matéria completa sobre o Chinchu neste link.

Serviço

Rua Saldanha Marinho, 1.144, Centro, Curitiba – (41) 99191-1849. O local não faz reservas. Instagram: @chinchuparrilla.

***

Choripan

Novo sanduíche é de linguiça feita com costela bovina. Foto: Divulgação.

Um dos pioneiros da comida argentina de rua, o Choripan está com novidades no cardápio. Além dos tradicionais sanduíches de pão com linguiça, com diversos sabores, o gastrobar acaba de lançar a porção de Choripapas, que leva batatas servidas com linguiça ou salamito. O lanche está disponível no cardápio das cinco unidades da rede (quatro em Curitiba e uma em Franca, no interior de São Paulo) e sai por R$ 25 ou R$ 30. 

Não é a única novidade da rede que recentemente inaugurou sua quarta unidade na capital paranaense. A nova casa fica em Santa Felicidade e tem um espaço externo pet friendly, com deck e área verde. O cardápio é o mesmo das demais unidades.

Além dos choripans clássicos, a marca lançou este ano também o sanduíche com linguiça de costela bovina (R$ 30). Já a versão no prato sai por R$ 62 e vem acompanhada de pão, mandioca cozida na manteiga, repolho, vinagrete, farinha de mandioca, mostarda escura e chimichurri; já a mesma porção de linguiça fatiada e servida no cone custa R$ 25. 

Serviço

Avenida Manoel Ribas, 4227, Santa Felicidade – Curitiba. De terça-feira a quinta-feira, das 16h às 23h; sexta-feira, das 16h às 00h; sábado, das 10h30 às 00h; domingo, das 15h às 23h. Instagram: @choripansanta.

Rua Tapajós, 30, São Francisco. Instagram: @choripan.tapajos.

Avenida Presidente Getúlio Vargas, 3777, Rebouças. Terça a quinta-feira, das 17h às 23h; sexta 16h às 00h; sábados 15h às 00h; domingos 15h às 22h. Instagram: @choripan.getulio.

Avenida Cândido Hartmann, 111, Champagnat. Segunda a quinta-feira, das 17h30 às 23h; sexta das 17h30 às 00h; sábado das 14h30 às 00h. Instagram: choripan.champagnatt.

***

Don Hugo Empanadas

Empanada de brigadeiro. Foto: Reprodução redes sociais.

Referência quando o assunto é empanadas argentinas, o cozinheiro argentino Hugo Volkis, mais conhecido como Don Hugo, serve quase 150 sabores, sendo cerca de 30 doces, em sua lanchonete no Juvevê.

No meio de tanta variedade tem sabores clássicos à base de carne em todas as suas variações – com queijo, picante, com ovo, azeitonas e uva passa – e versões abrasileiradas como as que levam recheios de camarões, carne seca, cebola e gorgonzola, só para citar algumas..

A massa é finíssima e o recheio farto. O preço das empanadas começa em R$ 10,50. O cardápio tem ainda alfajores (R$ 7) de doce de leite importado da Argentina e as medialunas (R$ 4), versão hermana do croissant, que podem ser recheadas com sabores doces ou salgados.

Serviço

Rua Machado de Assis 322, Juvevê, Curitiba – (41) 3089-7970. De terça a sábado das 17h às 22h. Instagram: @donhugoempanadas.

***

El Patio

Foto: Reprodução.

El Pátio é uma casa especializada em empanadas, tábuas de queijos e frios, e vinho, localizada no Batel.

O cardápio conta com seis sabores de empanadas como a humita, que leva creme de milho, milho, cebola, pimentão vermelho e queijos, e a de ossobuco na brasa com cebola, cenoura assada, cebolinha e temperos da casa. As unidades custam R$ 11.

No menu tem também sanduíches montados no pão ciabatta assado na hora em três versões: presunto cru, copa e mortadela. Os lanches custam entre R$ 32,90 e R$ 34,90. As tábuas de queijos e frios custam R$ 74,90.

Para acompanhar tem uma seleção de vinhos argentinos com as uvas mais icônicas do país como Malbec, Bonarda e Cabernet Sauvignon a partir de R$ 89,90.

Serviço

Alameda Pres. Taunay, 314, Batel, Curitiba – (41) 99656-7471. De terça a sexta das 12h às 22h; sábado das 12h às 23h. Delivery pelo iFood.

***

Florência Empanadas

Empanada do Florência. Foto: Divulgação.

O Florência Empanadas tem um cardápio enxuto com sabores tradicionais e versões personalizadas do lanche argentino. Entre as opções estão a saltenha, que é a clássica com carne, ovo caipira e azeitona. Tem também a pucacapa que é recheada com cebola caramelizada levemente apimentada e muito queijo derretido.

Destaque são também a portenha que leva dois queijos, tomate assado e manjericão e a cremosa, com camarão branco, requeijão, catupiry e molho da casa. O único sabor doce é o de goiabada cascão com requeijão e alecrim fresco. As unidades custam entre R$ 8,90 e R$ 9,90.

Completam o cardápio o alfajor de doce de leite (R$ 4,90) e o tableton, que é uma massa crocante com raspas de laranja intercalado com doce de leite da casa e polvilhado com açúcar confeiteiro.

A lanchonete não tem loja física e só funciona com o delivery.

Serviço

Atendimento pelo iFood ou pelo WhatsApp (41) 99904-1899. Instagram: @florenciacwb.

***

Gracias!

O Gracias! faz empanadas bem recheadas e envoltas em uma massa fininha e crocante, que são assadas na hora. O cardápio conta com sabores clássicos como as de carne e carne com queijo, mas apresenta também versões que fogem do comum.

Um exemplo é a empanada de frango teriaky que é caramelizado e temperado com gengibre, gergelim preto e pimentão. Tem também cebola com gorgonzola, cogumelo com queijo, e jamón com muçarela de búfala.

Entre as doces destaque vai para a de damasco com queijo brie, além da de frutas vermelhas com doce de leite. As unidades custam a partir de R$ 10,90 e o combo com dez empanadas sai por R$ 89,90.

O Gracias! tem duas unidades, uma no Bigorrilho que tem atendimento presencial, e outra no Juvevê que funciona apenas no delivery. Os pedidos podem ser feitos pelo iFood e pelo Rappi

Serviço

Alameda Princesa Izabel, 1430, Bigorrilho, Curitiba. Instagram: @gracias.br

***

Hornero Café

Hornero Café Curitiba
Empanadas de diversos estilos do Hornero. Foto: Andrea Torrente/Plural.

Inaugurado em outubro de 2021 no bairro São Francisco, o Hornero Café tem um cardápio recheado de pratos clássicos argentinos como empanadas, bife à milanesa, choripan e medialunas.

As empanadas são de três estilos: a tradicional, oriunda da região central da Argentina, recheada com filé mignon picado na faca e sabor de cominho bem marcante; a humita, feita com farinha de milho e recheio de queijo e cebola, tradicional do Norte do país; e por fim, a saltenha que leva carne, batata e azeitona e tem tamanho menor. A unidade sai por R$ 10, já o combo com cinco sabores custa R$ 45.

O choripan (R$ 15), o pão de linguiça argentino, é feito com pão ciabatta de fermentação natural e acompanhado de chimichurri da casa. Já a milanesa, bife empanado de filé mignon, é servida no pão baguete com alface, tomate e maionese (R$ 20).

O cardápio tem também lomo al plato, bife de filé mignon grelhado e acompanhado de alface, ovo estalado e pão ciabatta (R$ 30) e hambúrguer artesanal com queijo e ovo no pão brioche de fermentação natural (R$ 20). Medialunas doces e salgadas (a partir de R$ 5), pudim de doce de leite (R$ 8) e café tradicionais (a partir de R$ 4) completam o menu.

A casa é comandada pelo casal Ariel Santos e Pamela Sosa, originários de Bariloche, na Patagônia argentina, e radicados há 12 anos na capital paranaense. Você pode ler a matéria completa sobre o Hornero Café neste link.

Serviço

Av. Jaime Reis 282, São Francisco, Curitiba. De domingo a quinta, das 8h às 23h; sexta e sábado das 8h às 00h. Instagram: @hornerocafe

***

La Linda

restaurante La Linda em Curitiba
Fachada do restaurante La Linda. Foto: Reprodução.

Tradicional restaurante argentino fundado em 2011, o La Linda é comandado pela empresária argentina Marcela Crespi e pelo sócio brasileiro Fernando Zanardini.

Os cortes de carne mais pedidos são ojo de bife (entrecôte) e bife de chorizo (contrafilé), que saem ambos por R$ 81. Para acompanhar, a dica são os tradicionais papas suflê (bata frita infladas) e revuelto gramajo, porção de fritas em formato de palito com ervilha, ovo, presunto e cebola, que saem por R$ 33.

Para acompanhar as carnes, tem saladas e massas. Já para abrir o apetite as sugestões são empanadas (R$ 8,50 a unidade), as morcillas salgada e doce (R$ 23) e provoleta (R$ 37). A rolha é livre para vinhos argentinos.

Serviço

Rua Presidente Rodrigo Otávio, 835, Alto da XV  – 41 3078 1732. De terça a sábado, das 19 às 22h. Sábado e domingo, das 12 às 15h. Instagram: @lalindarestaurante.

***

Las Tablas

A morcilla é um embutido à base de sangue de porco, cozida e coagulada, misturada com especiarias. Foto: Reprodução.

O restaurante que funciona no Batel desde 2013 é especializado na parrilla porteña com cortes argentinos e uma decoração que remete às churrascarias de Buenos Aires.

Ojo de bife, bife de chorizo, vacio e assado de tiras são os cortes mais pedidos. A carne com 600 g, que serve duas pessoas, sai por R$ 201; já o prato individual com 300 g custa R$ 131.

Para abrir o apetite tem as tradicionais empanadas em seis versões, sendo que a de carne, de carne com passas e a de queijo com cebola, são as mais pedidas. A unidade custa R$ 17. Para finalizar a refeição, a panqueca de doce de leite é o carro-chefe das sobremesas e custa R$ 30.

O restaurante faz também entregas em domicílio pelo iFood e pelo Rappi. O cardápio do delivery é mais extenso e tem opções mais em conta.

Serviço

Rua Gutemberg 23, Batel, Curitiba – (41) 3075-0348. Todos os dias, das 12h às 23h. Instagram: @lastablasbr.

***

MediaLuna

Medialunas e empanadas. Foto: Reprodução.

Pela aparência são facilmente confundidas com o croissant, mas as medialunas são uma invenção tipicamente argentina. A diferença está nos ingredientes e no processo de dobra que conferem a esse pãozinho doce e amanteigado uma textura mais fofinha que seu correspectivo parisiense. 

O café MediaLuna é comandado pelo confeiteiro argentino Abel Blumenkrantz que aprendeu as receitas com a mãe. O doce é vendido nas versões pequena (R$ 3,50) e grande (R$ 7,55). A meia dúzia de medialunas grandes sai por R$ 37,70 e a dúzia por R$ 71.

A medialuna grande pode ser recheada com ingredientes doces ou salgados no local ou pode ser levada para casa. Os recheios mais pedidos são doce de leite e presunto e queijo. 

O cardápio é extenso e conta também com alfajores e empanadas de sabores sortidos, além de outros produtos da panificação argentina como grissini e galetas normais e integrais. Sem contar outras iguarias como chimichurri, geleias e doce de leite.

Serviço

Rua Sete de Abril, 440, Alto da XV, Curitiba – (41) 99778 1712. De segunda a quarta, das 9h30 às 19h30 e de quinta a sábado, das 9h30 às 21h30. Instagram: @medialunaarg.

***

Tango Expert

O restaurante, localizado no Novo Mundo, tem um cardápio extenso que vai de pizzas a batata suíça, passando pelas empanadas.

A variedade da iguaria argentina é ampla e vai de sabores clássicos aos menos comuns, como bacalhau e camarão. As versões com carne levam carne moída ao invés da tradicional carne picada na faca.

As unidades começam em R$ 8,90. O combo com oito empanadas custa R$ 69, o de 12 sai por R$ 99 e o de 22 custa R$ 179. A casa funciona com atendimento presencial e no delivery.

Serviço

Avenida Brasília, 4734, Novo Mundo, Curitiba. Todos os dias das 18h às 23h. Instagram: @tangocwb.

***

Tierra del Fuego

Bife de chorizo. Foto: Divulgação.

Fundado em 2011, o restaurante especializado em comida argentina é um dos mais tradicionais de Curitiba. A sugestão da casa é começar pelo minichoripan, com linguiça de pernil e molho chimichurri (R$ 15,90), e seguir com bife de chorizo como prato principal (R$ 89,90 para 250 g ou R$ 129,90 para 500 g).

O cardápio é extenso e ao lado do nome dos cortes argentinos há a tradução para o português. A pulpa de nalga, por exemplo, corresponde ao miolo do alcatra (R$ 68,90 para 250 g ou R$ 97,90 para 500 g).

Para abrir o apetite tem também morcilla (R$ 32,90) que vem acompanhada de molho chimichurri e pão e molleja (R$ 65,90 para 400 g).

Completam o cardápio as saladas, as massas, os risottos e as opções de menu executivo servidas de segunda a sexta-feira, no almoço, como bife de chorizo, ojo de bife e filé mignon (a partir de R$ 42,90)

A sobremesa de maior sucesso da casa é a Taça San Martin com sorvete de alfajor com doce de leite argentino salpicado com farofa de castanhas (R$ 25,90).

Serviço

Rua Barão de Guaraúna, 550 – Juvevê, Curitiba – (41) 3256-2323 / (41) 99866-7179. Segunda a sexta-feira, das 11h às 15h; sábado e domingo, das 11h às 16h. Terça a sábado, das 19h às 23h. Instagram: @tierradelfuegocwb.

O Plural é um jornal independente mantido pela contribuição de nossos assinantes. Ajude a manter nosso jornalismo de qualidade. Assine o Plural. Você pode escolher o valor que quer pagar. E passa a fazer parte da comunidade mais bacana de Curitiba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Os comentários feitos em textos do Plural são moderados por pessoas, não robôs, e não são publicados imediatamente. Não publicamos comentários grosseiros, agressões, ofensas, acusações sem provas nem aqueles que promovem tratamentos sem comprovação científica.

Últimas Notícias

É de graça


E vai continuar assim. Mas o nosso trabalho só existe porque ele é financiado por você, leitora e leitor, e por parceiros. Ajude o Plural a continuar independente. Apoie e assine por valores a partir de R$ 5 por mês.

Já é nosso assinante?
Faça seu login com email ou nome de usuário

Não é assinante?  Assine por valores a partir de R$ 5 por mês.

This will close in 20 seconds