Após sete meses fechado, Cine Passeio reabre neste sábado | Jornal Plural
16 out 2020 - 15h05

Após sete meses fechado, Cine Passeio reabre neste sábado

Espaço foi fechado por conta da pandemia, e agora deve seguir uma série de protocolos sanitários

Neste sábado (17), O Cine Passeio reabre ao público depois de sete meses de fechamento. O cinema de rua é um espaço da Fundação Cultural de Curitiba (FCC), e foi fechado por conta da pandemia do coronavírus. As atividades de cinema foram liberados pela Prefeitura de Curitiba no última dia 10.

Segundo a Fundação Cultural, a retomada das atividades deverá obedecer protocolos sanitários rigorosos. Haverá restrição de circulação do público dentro do espaço, e horário reduzido de funcionamento – com apenas duas sessões por dia nas salas Ritz e Luz.

Mudanças

Agora, o cinema funcionará das 13h às 22h, de terça a domingo. Ao invés das 91 pessoas por sala, serão liberados apenas 36 lugares em cada sessão. Na compra do ingresso, o sistema de escolha de assentos bloqueará poltronas para garantir o distanciamento social. E as salas devem ser higienizadas entre cada exibição.

Outro cuidado que será tomado, segundo a Fundação, é com o ar das salas: o ar condicionado foi higienizado, e após o término de cada filme as salas serão abertas para ventilação. A cafeteria volta a funcionar, mas o terraço e o subsolo do local estarão fechados ao público.

Os banheiros também serão limitados a duas pessoas por vez, e o elevador a uma pessoa (exceto quando os usuários forem da mesma família). O uso de máscaras deverá ser respeitado, e o consumo de alimentos e bebidas dentro das salas de cinema está proibido.

A saída das sessões deverá acontecer de forma ordenada para evitar aglomerações. Os primeiros a sair das salas serão os ocupantes das fileiras mais próximas da tela. Um funcionário deverá acompanhar as exibições para garantir o cumprimento dos vários protocolos de segurança.

Programação

A volta do Cine Passeio contará com um festival de filmes do diretor Christopher Nolan. Entre os longas na programação estão “Origem”, “Dunkirk”, “Interestelar”, e “Batman – O cavaleiro das Trevas”. A mostra é uma retrospectiva da carreira do diretor, que em breve estreia no país com o filme “Tenet”.

Os filmes serão exibidos nos mesmo horários todos os dias, até 21 de outubro. Os ingressos custam R$ 12 (inteira) e R$ 6 (meia-entrada) e podem ser adquiridos no site www.ingresso.com, ou na bilheteria do local, aberta de terça a domingo, das 13h às 19h30

Se puder, assine o Plural. Você pode escolher o valor que quer pagar. Isso faz muita diferença para nós: ser financiados por leitoras e leitores. As assinaturas nos mantêm funcionando com uma equipe que hoje tem oito pessoas e dezenas de colaboradores. Somos um jornal que cobre Curitiba em meio aos obstáculos da pandemia e fazemos isso com reportagens objetivas, textos de opinião e de cultura, charges e crônicas. Obrigado pela leitura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assuntos:

Últimas Notícias