24 maio 2022 - 9h48

O que esperar de um apóstata? Só apostasias…    

Não seria de se esperar algo diferente por conta da breve passagem de Bolsonaro por Curitiba, mas com ele, depois da gripezinha, tudo é possível

Já num momento mais eleitoreiro, agradeceu ao apoio dos participantes. “Nós juntos, com fé, atingiremos os nossos objetivos. É uma missão que eu tenho e só Deus me tira daquela cadeira (presidencial)”.  

Aí, leitores do Plural reagiram. Exemplos:  

Paulo Gatti:  

– Mais uma vergonha na conta dos curitibanos!  

Daniele Martins:  

– Quem vai tirá-lo daquela cadeira é o povo, pois ainda vivemos em uma democracia e não numa teocracia como é o sonho dele e de tantos autocratas de nosso país.  

E há também quem tenha voltado no tempo, lembrando a autoproclamada República de Curitiba e, matutando com seus botões, botões de casacão de lã, já que o friozinho por aqui tá terrível, tal qual a suposta gripezinha, e foi adiante – e sem recorrer ao dicionário. 

Apostasia: abandono público de uma religião ou renúncia da fé; abjuração. Ação de renegar uma religião ou a própria fé. Renúncia aos vínculos religiosos ou sacerdotais. Quaisquer atos relacionados com a renúncia de partido, ideologia, doutrina e etc; deserção. Pessoa que renuncia ou renega uma crença ou religião da qual fazia parte, geralmente refere-se à fé cristã: e o apóstata foi expulso do templo.  

Apóstata: consiste na condição de afastamento total e definitivo de alguma coisa, como uma doutrina, ideologia e etc, sem a permissão ou autorização de terceiros. O apóstata, indivíduo que pratica a apostasia, em alguns casos pode sofrer consequências negativas por seu ato de renúncia.  

PS: viver é perigo – e agora, por nossas bandas, mais do que nunca.  

Este texto é de responsabilidade do autor/da autora e não reflete necessariamente a opinião do Plural.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Os comentários feitos em textos do Plural são moderados por pessoas, não robôs, e não são publicados imediatamente. Não publicamos comentários grosseiros, agressões, ofensas, acusações sem provas nem aqueles que promovem tratamentos sem comprovação científica.

Últimas Notícias