Oito deputados assinam documento e Francischini vai presidir CCJ | Jornal Plural
Clube Kotter
6 fev 2019 - 0h00

Oito deputados assinam documento e Francischini vai presidir CCJ

O deputado Fernando Francischini (PSL), com apoio do governo do estado, será o próximo presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa….

O deputado Fernando Francischini (PSL), com apoio do governo do estado, será o próximo presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa. Oito membros da comissão apresentaram hoje formalmente um documento assinado se comprometendo a votar em Francischini.

Com isso, o resultado provável da eleição, marcada para a segunda-feira, são oito votos para Francischini, quatro para Nelson Justus (DEM) e uma abstenção. A derrota significa a saída de Justus da presidência depois de duas legislaturas completas. O deputado já havia perdido a presidência da Assembleia depois do escândalo dos Diários Secretos.

Os deputados que se comprometeram a votar em Francischini, além dele mesmo, são o líder do governo Ratinho Jr. (PSD) na Assembleia, Hussein Bakri (PSD); Tião Medeiros (PTB); Paulo Litro (PSDB); Homero Marchese (PROS); Evandro Araújo (PSC); Delegado Jacovós (PR); e Marcio Pacheco (PPL).

Justus caiu em desgraça com Ratinho depois do vazamento de um vídeo feito durante a campanha. Apoiador de Cida Borghetti (PP), o deputado falava mal do novo governador e de seu pai, o apresentador Ratinho.

[simple-box-author]

Últimas Notícias