Casal é condenado por desvio de R$ 2 milhões do SUS | Jornal Plural
Clube Kotter
28 mar 2019 - 22h17

Casal é condenado por desvio de R$ 2 milhões do SUS

Servidores foram condenados por desviar verba para contas pessoais, mas devem recorrer em liberdade

O juiz federal Nivaldo Brunoni, da 23ª Vara Criminal de Curitiba, condenou o casal Marinete Afonso de Mello e Marcelo Jorge de Mello. Eles estão envolvidos no desvio de R$ 2 milhões repassados pelo SUS ao Fundo Municipal de Saúde, administrado pela prefeitura.

Os desvios aconteceram entre 2004 e 2009, quando Marinete era chefe na Secretaria de Saúde. De acordo com a denúncia do Ministério Público Federal, ela tinha poderes para alterar a planilha de despesas que do fundo. Com isso, eram indicadas para pagamentos contas vinculadas ao casal. A então servidora também designava pagamentos para contas de duas parentes.

A condenação dos réus foi pelo crime de peculato. Marinete terá pena de 12 anos, 9 meses e 10 dias de reclusão, em regime fechado. Já Marcelo foi condenado a 7 anos e seis meses de prisão, em regime semiaberto. Os dois também terão que pagar multa, mas podem recorrer em liberdade. Eles também terão que ressarcir o valor de R$ 2.101.568,27 desviados.

Foi constatado no processo que Marinete e Marcelo eram proprietário de duas residências, uma parte de um terreno, apartamento na praia e dois automóveis considerados novos na época dos fatos. A soma dos bens acaba sendo incompatível com os ganhos ordinários do casal.

Últimas Notícias