Startup curitibana incubada na UFPR é premiada no Programa Mulheres Inovadoras - Jornal Plural
15 set 2021 - 12h10

Startup curitibana incubada na UFPR é premiada no Programa Mulheres Inovadoras

GoGenetic usa kit de biologia molecular para ajudar produtores de bioinsumos agrícolas

Uma empresa de Curitiba incubada na UFPR, a GoGenetic, foi uma das 10 startups do Brasil premiadas na última sexta-feira, 10 de setembro, no Programa Mulheres Inovadoras 2021, promovido pela Finep. O Programa Mulheres Inovadoras oferece aceleração voltada especificamente para o público feminino para até 30 (trinta) startups selecionadas, além de um prêmio de R$ 100 mil reais para até 10 (dez) empresas escolhidas por uma banca avaliadora como as melhores startups lideradas por mulheres em suas respectivas regiões. 

A inovação apresentada pela GoGenetic desenvolve uma solução para ajudar produtores de bioinsumos agrícolas a melhorar seu processo de controle de qualidade através da aplicação de um kit de biologia molecular. O Kit trabalha com a técnica de RT-PCR para detecção e quantificação de bioinsumos e inoculantes contribuindo para modernização tecnológica na indústria, com precisão e rapidez. A ideia é aumentar a produtividade, reduzir custos e desenvolver plantios mais sustentáveis. O bioinsumo vem se tornando cada vez mais presente na agricultura brasileira. A estimativa é que o mercado de biológicos no Brasil deverá triplicar até 2030. 

De acordo com a pesquisadora e cofundadora da GoGenetic Vânia Pankievicz, é gratificante receber esse reconhecimento pois reafirma a relevância da nossa solução e das nossas pesquisas. “A GoGenetic é uma empresa que tem como propósito transformar o agro por meio da informação genética. Esse prêmio tem significado ímpar dentro da nossa empresa que tem mulheres como líderes em todos os setores e irá nos proporcionar crescimento significativo para 2022. Em breve teremos mais novidades para o agro”, sinaliza a pesquisadora.

A GoGenetic aplica a tecnologia do sequenciamento genético em múltiplas áreas. A empresa nasceu em 2016 com a proposta de levar o conhecimento produzido dentro da academia para a sociedade. Contou com incentivo e orientadores da UFPR, onde atualmente está incubada. Os três sócios fundadores, Eduardo Balsanelli, Michelle Tadra e Vânia Pankievicz, atuam na pesquisa em microbiologia, sequenciamento genético e todos os desdobramentos e impactos da biotecnologia. Em 2019 uma segunda unidade da empresa foi inaugurada no Tecnoparque da PUC. A ampliação foi necessária para o desenvolvimento de novos produtos e para a adequação do laboratório às certificações da área.

As dez primeiras empresas serão chamadas pela Finep para receber a premiação. 

Se puder, assine o Plural. Você pode escolher o valor que quer pagar. Isso faz muita diferença para nós: ser financiados por leitoras e leitores. As assinaturas nos mantêm funcionando com uma equipe que hoje tem oito pessoas e dezenas de colaboradores. Somos um jornal que cobre Curitiba em meio aos obstáculos da pandemia e fazemos isso com reportagens objetivas, textos de opinião e de cultura, charges e crônicas. Obrigado pela leitura.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias