18 set 2020 - 13h07

E depois do suicídio?

Se alguém da sua família tirou a própria vida, aqui há informações que podem ajudar

Há sete anos, quando o meu irmão se matou, eu não sabia muita coisa sobre suicídio. Tinha as minhas referências, como todo mundo, mas eram bastante romantizadas. A biografia do Kurt Cobain que devorei com sombrio encantamento na adolescência; a belíssima Ofélia afogada entre as vitórias-régias em Hamlet, a famosa peça de Shakespeare; as teorias da conspiração em volta da morte de Marilyn Monroe: suicídio ou assassinato? Nada disso me preparou para a ligação que recebi naquele fim de noite – nem sequer para todos os dias que vieram depois.  

Se você chegou até aqui em busca de respostas sobre o destino do suicida, já vou logo dizendo que também não as tenho. Céu, inferno, umbral. Todos esses conceitos continuam bastante abstratos, mas adquiri outras convicções ao longo do caminho. A mais importante se baseia em dados: segundo o Ministério da Saúde, estudos com famílias, gêmeos e adotados indicam a existência de um componente genético na depressão. “Estima-se que esse componente represente 40% da suscetibilidade para desenvolvê-la”, informa o órgão. 

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), transtornos mentais estão presentes em 98% das pessoas que se suicidam, sendo a depressão o principal deles. Isso significa que 90% dos casos de suicídio poderiam ser evitados com tratamento adequado. 

O objetivo de trazer essas informações não é criar processos de culpa ou estabelecer um diagnóstico obrigatório de depressão. Cada história é uma história. O que eu quero dizer é que, assim como quem perde um familiar para o câncer precisa redobrar o cuidado com os exames preventivos, é importante que você zele pela sua saúde mental.

Para deixar isso tudo um pouco mais claro, conversei com uma especialista no assunto: a psicóloga Rita Sprea.

Após um suicídio, as pessoas próximas entram numa espiral de perguntas. A mais comum é: por quê?

O suicídio é multifatorial. Não existe uma única causa para isso, mas sim fatores de risco presentes na vida da pessoa e, às vezes, ausência de fatores de proteção. Fatores ambientais e genéticos influenciam nessa decisão da pessoa, que costuma estar com problemas psicológicos, como depressão, ansiedade; ter passado por algum trauma; ou ter algum transtorno, como bipolaridade, borderline, entre outros. O suicídio pode ser sim um sintoma da depressão, mas também pode ser sintoma de outros transtornos, como por exemplo, do Transtorno de Personalidade Borderline (TPB). A pessoa também pode cometer suicídio sem ter um transtorno específico, mas estar passando por um sofrimento muito grande e ter problemas psicológicos.    

A depressão é hereditária? 

Não falamos que a depressão é hereditária num sentido de que filhos de um pai ou uma mãe com depressão com certeza terão o transtorno. Mas existem, sim, componentes genéticos que influenciam. Segundo o DSM-5, familiares de primeiro grau de indivíduos com transtorno depressivo maior têm risco duas a quatro vezes mais elevado de desenvolver a doença do que a população em geral. Precisamos utilizar essa informação ao nosso favor: se você sabe que alguém da sua família tem ou já teve depressão, é importante cuidar preventivamente da sua saúde mental, pois existe uma maior vulnerabilidade para desenvolver esse quadro.

Isso significa que, em uma situação de adversidade, como por exemplo o luto, uma pessoa que não tem predisposição genética tem chances menores de desenvolver uma depressão, e passa pelo processo natural de luto. Enquanto que, na mesma situação, uma pessoa que tem a predisposição genética para depressão, tem maiores chances de desenvolver depressão em decorrência dessa perda.

Isso é significativo quando olhamos para as pessoas em luto por familiares que cometeram suicídio, pois se a pessoa suicida tinha algum transtorno psicológico, existe chance do familiar ter também, e reagir de forma mais preocupante ao luto.

Ao mesmo tempo, não podemos desconsiderar a importância do ambiente no desenvolvimento e curso do transtorno.

É comum que outras pessoas da família apresentem ideações suicidas?

Sim, é possível. Primeiramente, pois essa pessoa também pode ter uma vulnerabilidade maior às adversidades da vida. Segundo, o luto que essas pessoas passam é mais intenso e duradouro, principalmente pela busca de uma causa, de um motivo. É como se elas não conseguissem seguir em frente, pois a pergunta de quem é o “culpado” está sempre ruminando em sua mente.

Porém, isso não acontece sempre. Não podemos adotar como regra que todo familiar de alguém que cometeu suicídio também irá apresentar ideações suicidas.

Como lidar com o suicídio de um familiar e minimizar o impacto negativo dessa morte?

Caso você esteja passando por um momento assim, entenda seu processo de luto, saiba que você vai sentir muitos sentimentos além da tristeza, como raiva, culpa e impotência.

Uma das principais coisas é não se culpar. É impossível controlar todas as ações de alguém, e o suicídio quase nunca acontece por uma única causa, são diversos fatores envolvidos. Mesmo com um familiar muito próximo (filho, irmão, pai, mãe), existe um limite até onde conseguimos interferir na vida do outro.

É importante que você busque e aceite ajuda, tanto pelo processo de luto quanto por uma depressão que pode surgir. Às vezes, você pode precisar de ajuda para fazer tarefas simples do dia a dia. Entenda que é por um período, que você está mais vulnerável, e que não tem nada de errado em precisar de ajuda. Mantenha uma rede de apoio por perto, pessoas que te fazem bem. Conversar com grupos de apoio e pessoas que já passaram por isso também pode ajudar.

Como em outros processos de luto, também é importante cuidar da sua saúde, como conseguir comer alguma coisa e descansar; principalmente cuidar da sua saúde mental, para que uma depressão não se desenvolva, e para que “acabar com tudo” não comece a se tornar uma opção para você também. Além disso, você pode estar mentalmente confuso, então, não tome grandes decisões nesse momento; passe pelo luto, não lute contra ele por meio de grandes atividades, pois não vivenciar o luto também não é saudável para a mente.

E por último, não tenha receio de contar a real causa da morte, isso pode auxiliar as outras pessoas a entenderem a sua situação, e respeitá-la. Ao mesmo tempo, perceba seu tempo, e como se sente confortável. Ao mesmo tempo que você não precisa ter medo de falar sobre o suicídio (e não continuar alimentando esse estigma), você não precisa se forçar a fazer algo que ainda não se sente preparado.

Então, ao passar por essa experiência, é preciso redobrar a atenção com a saúde mental?

Com certeza. Quando uma pessoa comete suicídio, todos os envolvidos em sua vida são afetados. Familiares, amigos e até conhecidos do trabalho são impactados pela notícia. É preciso vivenciar a dor, e passar pelos momentos do luto, porém, perceber se esse sofrimento não está afetando sua saúde mental de forma intensa. Caso isso aconteça, é importante buscar ajuda profissional.

Se puder, assine o Plural. Você pode escolher o valor que quer pagar. Isso faz muita diferença para nós: ser financiados por leitoras e leitores. As assinaturas nos mantêm funcionando com uma equipe que hoje tem oito pessoas e dezenas de colaboradores. Somos um jornal que cobre Curitiba em meio aos obstáculos da pandemia e fazemos isso com reportagens objetivas, textos de opinião e de cultura, charges e crônicas. Obrigado pela leitura.

31 comentários sobre “E depois do suicídio?

  1. Jess, que relato importante! Obrigada por compartilhar e ir direto ao ponto. Na minha jornada “Depressão em primeira pessoa” que está sendo relatada aí mesmo no Plural detalho as minhas experiências e fico muito feliz ao perceber que, mesmo como leiga no tema e usando apenas as minhas experiências pessoais, os conselhos da Rita Sprea estão relatados nas minhas vivências. Ufa. Seguimos juntas!

  2. hoje…como nunca outra vez em minha vida, estou seriamente pensando em por um fim nela, em cometer suicídio, as, ainda não achei coragem para isto…por duas vezes ontem, quase foi…quase… não sei como será hoje, em mesmo amanhã mas, uma lita muito grande e conflito interno estão minando minha resistência e me levando a beira deste abismo.
    Tomara que eu encontre na misericórdia de DEUS a ajuda para não levar isto em frente, ou o seu perdão por consumar o fato.

    1. Oi Lourival, como você se sente hoje?
      Estou aqui para conversar a hora que você quiser. O dia que você postou seu relato, foi 24 horas antes do meu irmão cometer suicídio. Hoje, 24/03, quase um mês depois, ainda estamos em uma dor profunda, em um luto muito intenso, e eu acredito que a sua família não quer passar isso de jeito nenhum. Eu quero conversar com você, que quero ouvir como você se sente todos os dias e poder te ajudar, eu quero fazer isso em memória de Jair Marques.
      Entre em contato comigo pelo meu e-mail [email protected].
      Fique bem, eu aguardo ansiosamente a sua mensagem.
      Todos te amam, e os problemas que não estão dentro de você, não são seus problemas!

    2. Li uma frase muito verdadeira: o suicídio não é o fim da dor, apenas a transferência dela para outras pessoas. Hoje choro pelo meu sobrinho. Sofremos todos. Apenas agora sei que é um dia de cada vez. Deixe essa ideia pra amanhã, e qdo o amanhã se tornar o hoje, você deixa pra amanhã. Tudo passa. Boa sorte.

    3. Eu perdi a minha única irmã no dia 28/4/2021. Até hoje, não consigo aceitar o tipo de morte que ela escolheu, apesar de saber que há mais de vinte anos, lutava contra o transtorno de personalidade borderline e estava com depressão grave em tratamento com psicóloga, alternativo e tomando vários remédios, é difícil aceitar, porque a saudade quando grande se transforma num mar de lágrimas que transborda pelos nossos olhos. Sigo em frente, porque creio que Deus está no controle sempre. Depois do ocorrido, o que eu mais pedia a ele era para me levar até a alma da minha irmã, eu queria saber dela, porque a Bíblia diz que o corpo volta para a terra e virá pô dela , a sabedoria volta para Deus e a alma vai para o céu ou inferno, mas esta também diz que o Senhor é misericordioso, está disposto a nos perdoar sempre, que ele nos ama, que fomos comprados por preço de cruz, que não devemos temer, porque o Senhor nos resgata, permuta reinos, entrega nações por amor a nós e como se não bastasse o Senhor não é homem para mentir, ou seja, se você o aceitar em sua vida , ele cumprirá o propósito dele para contigo e podem crer que os sonhos dele são maiores e melhores que os nossos. A fé em Deus , a leitura da Bíblia, o meu chamado à pregação, o meu canal idealizado para ajudar adolescentes e jovens a descobrirem o propósito que Deus escreveu para cada um, os meus pais, familiares, a diaconia da minha igreja, a direção da minha escola, meus colegas de profissão e os meus alunos foram e são os responsáveis pela minha motivação diante da vida mesmo sentindo a dor do luto. Se eu estou conseguindo, vocês também conseguem. Quanto a quem pensa em acabar com a sua vida, não faz isso não! Enquanto há vida, há esperança! Quem nunca errou que atire a primeira pedra, as dificuldades no caminho servem para nos fazerem fortes, mas se você seguir honrando ao Senhor independente das circunstâncias, ou seja, de você ter dinheiro, casa, comida, emprego, felicidade, por ele sereis honrado(a). Creia e verás o sobrenatural acontecer em tua vida. Se gostaram do que escrevi, poderão assistir às minhas pregações no meu canal gospel Só Por Hoje no YouTube e Instagram.

  3. Moça, eu espero que você esteja bem. Se precisar conversar de alguma maneira, me chame no Instagram. @eu_belle_lucena Fique bem 😔

  4. Gostaria de saber se o suicídio de um familiar próximo causa problemas com a justiça. Me disseram que a pessoa mais próxima é acusada como negligente, e que dá um monte de problemas para a família (além da dor e da mistura de sentimentos). Se puder me tirar essa dúvida eu agradeço

    1. Creio que não, geralmente ocorre problemas com a justiça em casos onde alguém incentivou a pessoa a cometer suicídio.

  5. Hj enterrei o meu pai, ele se suicidou, não consigo entender o motivo, sinto uma dor imensa que dói o meu corpo minha alma chora. Que Deus tenha misericórdia dele e o perdoe. Eu o amo tanto e ele fez isso conosco. 😭😭

  6. Olá não entendo e um sofrimento muito difícil a perda de uma pessoa q amamos cometer um suicidio precisamos ficar atentos precisamos ter sabedoria p evitar essa dor q nos faz não entender o pq 😭

    1. Oi como está? Sim é uma dor intensa e terrível, agente fica se perguntando o por que? O que poderíamos ter feito. Doí demais, perdi meu cunhado dia 1-07-21. Ele deixou minha irmã sozinha e minha sobrinha filha dele, de 2 aninhos. Se alguém quiser participar de um grupo de sobreviventes que estou querendo criar me mande um e-mail [email protected] ( se alguém tbm ler e pensar e tirar a vida, pode me mandar e-mail que eu te ajudo).

  7. Perdi meu primo faz dois dias, estou me culpando demais pelo que eu não fiz e poderia ter feito, se tudo fosse diferente. Não entendo. É uma dor imensa 😭 tenho medo de nunca superar isso, pois é algo que sempre vou lembrar.

  8. Boa noite , também sei que essa situação é muito difícil, a vontade do suicídio muitas vezes é culpa de nos mesmo , pois já pensei muitas vezes em cometer suicídio, pois cometi muitos erros irreversíveis e não tem como voltar atrás, e eu nao consigo me perdoar . Caso alguem queira conversar entre em contato no meu email [email protected]

  9. Acho legal compartilhar os sentimentos e declarar apoio para quem precisa. Mesmo fazendo acompanhamentos com terapia e uso de medicamentos parece que as coisas não mudam, a mente é uma traiçoeira. Deixo aqui o meu email e solidariedade para que possamos nos unir, nos fortalecer e desenvolver alguma ação que possamos na coletividade nos ajudar. Disponíveis? [email protected]

  10. Hoje perdi minha amiga, me despedi, e como espírita irei trabalhar com as velas para iluminar o segundo plano pois sei que ela precisa demais.
    Me sinto chateada pela perda, mas sei que ela queria descansar a muito tempo e tenho certeza que Deus a levou com ele, embora eu e a família queríamos ela fora do hospital e recuperada.
    SABRINA GIL, amo você eternamente! * somos girassóis e você (Sabrina) o nosso Sol* 🌻

  11. Olá boa tarde pessoal , e muito bom ver a experiência de cada um de vocês , o desafio que cada um de vocês meus amigos tem que passar , pra min quamdo o assunto e depressão e meio estranho dizer, eu também perdi meu tio pro suicídio mais nesse tempo eu não entendi muito o que aconteceu eu tinha apenas 8 anos eu acho , mais até aí mau eu sabia que eu tava a caminho de uma depressão… Depois que meu tio se suicidou quem teve depressão foi minha mãe, até aí eu não tinha entendido nada até que um dia a minha família conheceu a bíblia daí em diante as coisas começaram a se ajeitar , e nos começamos um estudo da bíblia com uma testemunha de Jeová, hoje eu tenho 13 anos e ia ser mais uma vítima levada pelo suicídio, mais por mais que foi difícil eu comsegui fugir dessa armadilha , o que mais me consola são as promessas maravilhosas da bíblia. Vou compartilhar uma com vocês uma delas são ISAÍAS 25:8 que diz :Ele acabará com a morte para sempre, E o Soberano Senhor Jeová enxugará as lágrimas de todo rosto. Ele tirará de toda a terra a humilhação de seu povo, Pois o próprio Jeová falou isso.
    Não é bom saber que a morte não vai ficar com a gente para sempre ? O próprio Deus Jeová falou isso , o Deus de todo o consolo, e de ternas misericórdias .Eu to compartilhando isso com vocês por que eu também tenho esse índice de depressão mais estudar a bíblia foi a melhor coisa que me aconteceu, e difícil as vesez dizer como a gente se sente de verdade Mais tem muita gente que se importa com vocês entre elas eu , esse mundo não é governado por Deus meus amigos , a bíblia diz em 1 João 5:19 que o mundo está no poder do maligno então
    Pessoal nao e deus que causa nossos sofrimento bem ele que governa o mundo pelo contrário e quer muito e tem o desejo de que a gente viva para sempre felizes num paraíso. Não sei se as palavras que compartilhei com vocês vão ajudar da forma muito boa mas eu vou incluir vocês em todas a minhas orações podem ter certeza disso 😁😁😁
    Antes de encerrar só queria compartilhar só mais uma coisa e o que diz o texto de
    ISAÍAS 41:10 e 13 Que diz “Não tenha medo, pois estou com você. Não fique ansioso, pois eu sou o seu Deus. Vou fortalecê-lo, sim, vou ajudá-lo. Vou segurá-lo firmemente com a minha mão direita de justiça.’Pois eu, Jeová, seu Deus, seguro a sua mão direita;Sou aquele que lhe diz: ‘Não tenha medo. Eu o ajudarei.’ adeus meus amigos nao conheço voces mais comsideruos como amigos .

  12. Olá boa tarde pessoal , e muito bom ver a experiência de cada um de vocês , o desafio que cada um de vocês meus amigos tem que passar , pra min quamdo o assunto e depressão e meio estranho dizer, eu também perdi meu tio pro suicídio mais nesse tempo eu não entendi muito o que aconteceu eu tinha apenas 8 anos eu acho , mais até aí mau eu sabia que eu tava a caminho de uma depressão… Depois que meu tio se suicidou quem teve depressão foi minha mãe, até aí eu não tinha entendido nada até que um dia a minha família conheceu a bíblia daí em diante as coisas começaram a se ajeitar , e nos começamos um estudo da bíblia com uma testemunha de Jeová, hoje eu tenho 13 anos e ia ser mais uma vítima levada pelo suicídio, mais por mais que foi difícil eu comsegui fugir dessa armadilha , o que mais me consola são as promessas maravilhosas da bíblia. Vou compartilhar uma com vocês uma delas são ISAÍAS 25:8 que diz :Ele acabará com a morte para sempre, E o Soberano Senhor Jeová enxugará as lágrimas de todo rosto. Ele tirará de toda a terra a humilhação de seu povo, Pois o próprio Jeová falou isso.
    Não é bom saber que a morte não vai ficar com a gente para sempre ? O próprio Deus Jeová falou isso , o Deus de todo o consolo, e de ternas misericórdias .Eu to compartilhando isso com vocês por que eu também tenho esse índice de depressão mais estudar a bíblia foi a melhor coisa que me aconteceu, e difícil as vesez dizer como a gente se sente de verdade Mais tem muita gente que se importa com vocês entre elas eu , esse mundo não é governado por Deus meus amigos , a bíblia diz em 1 João 5:19 que o mundo está no poder do maligno então
    Pessoal nao e deus que causa nossos sofrimento bem ele que governa o mundo pelo contrário e quer muito e tem o desejo de que a gente viva para sempre felizes num paraíso. Não sei se as palavras que compartilhei com vocês vão ajudar da forma muito boa mas eu vou incluir vocês em todas a minhas orações podem ter certeza disso 😁😁😁
    Antes de encerrar só queria compartilhar só mais uma coisa e o que diz o texto de
    ISAÍAS 41:10 e 13 Que diz “Não tenha medo, pois estou com você. Não fique ansioso, pois eu sou o seu Deus. Vou fortalecê-lo, sim, vou ajudá-lo. Vou segurá-lo firmemente com a minha mão direita de justiça.’Pois eu, Jeová, seu Deus, seguro a sua mão direita;Sou aquele que lhe diz: ‘Não tenha medo. Eu o ajudarei.’ adeus meus amigos nao conheço voces mais comsideruos como amigos .

  13. Boa noite! Estou péssima… perdi minha prima linda ontem pra esse mal, tadinha… eu li a frase “ o suicidio não é o fim da dor, apenas a transferência dela para outras pessoas” exatamente assim que sinto, pra sempre vai doer, pra sempre vou pensar pq não fiz uma ligação nesse maldito dia?? Não convidei pra um café… mesmo que um dia isso viesse acontecer, mas pelo menos ontem poderíamos ter evitado 😔

    1. Oi, Ana. Entendo completamente o teu sentimento. O que posso dizer é que com o tempo e algum auxílio profissional, fica mais fácil a gente perceber que não tem controle do outro e a culpa não é, de forma alguma, nossa. Espero que essa ferida cicatrize e que durante o processo vocês possam se cuidar com carinho. Um beijo, Jess.

    2. Oi Ana perdi minha ex esposa nesse mesmo dia ,apesar da gente tá separado nós amavos ,por coincidência mesma frase que te chamou atenção tbm me chamou,eu fico pensando tbm pq eu não chamei ela para conversar.sair para algum lugar,Cidinha n apresentava sinais

  14. Bom dia!
    Dia 04/08/2021 perdi minha irmã pro suicídio, ela tinha 34 anos e deixou 2 filhos, um de 2 anos e o outro de 5. Pra mim ta sendo dias muito difíceis, pois a minha irmã era tudo pra mim, meu coração doe muito, a culpa vem as vezes na mente, pois fico pensando que poderia ter feito algo a mais por ela. E fico me perguntando o porque ela fez isso, sei que oque ela estava passando no seu casamento não foi nada fácil, e acredito que isso contribuiu e muito para que ela cometesse esse ato. Mas se tratando de depressão ela nunca passou pra ninguém que tinha, nunca demonstrou nada que fizesse pensarmos que ela estava doente, o único que vivia com ela e que poderia alertar a minha família sobre essa questão seria o marido, mas nada fez, pelo contrário ele teve muita culpa pelo que aconteceu com minha irmã, minha princesa, meu porto seguro.😭
    O destino levou uma parte de mim, pois éramos muito ligadas uma com a outra, mês de junho descobrimos juntas a minha gravidez, ela sonhou comigo, orou e me fortaleceu muito, pois devido um problema de saúde achei que nunca ia poder engravidar, mas o Senhor me abençoou e esse dia choramos de alegria. Desde então ela começou a me acompanhar em tudo, mesmo de longe ela sempre se preocupou comigo e com minha gravidez. Ela fez planos pra está comigo no dia do meu parto, me dando força e segurando a minha mão para que eu não tivesse medo de nada. Só que isso não será mais possível, pois ela se foi e nem chegou a ver o sexo do bebê, que será revelado dia 27. Mas ela falava que sonhava comigo segurança uma menina 💛
    Ta sendo muito difícil, mas sigo confiando no meu Deus, Ele, minha família, amigos e meu esposo tem me ajudado a cada dia superar essa dor, choro todos os dias ainda, mas sei que logo isso vai passar, e oque vai ficar é a saudade e os momentos lindos e divertidos que passei ao lado dela, pois ela era muito alegre, dona de uma risada sem igual.
    Minha mana que sempre vou amar e que estará pra sempre em meu coração.

  15. Perdi minha filha, dia 10/09/2021, sinto me infeliz, incapaz, incompetente e carrego um medo, uma culpa, e uma dor que não tem tamanho.
    Preciso de ajuda, de algum grupo de ajuda. Ela era minha companheira, amiga, meu bb, nem chegou a fazer 30 anos, hoje exatamente estaria faltando 30 dias para o aniversário dela.

  16. Perdi meu irmão pro suicídio dia 13/10/2021, ele bebia e era usuário a mais de 20 anos, mais ninguém nunca imaginou que ele faria isso pois nunca falou que queria se matar. Ele bebia ficava na rua por dias vinha embora, tomava banho comia e depois começava tudo de novo. Já foi internado várias vezes, mais nunca conseguiu largar o vício. Foi mais forte que ele!
    Eu tô sofrendo muito porque me sinto culpada por não ter feito muitas coisas por ele, e sei que não é só eu que estou me sentindo culpada, na minha casa quase todo mundo deve estar se sentindo assim. Estou perdida me perguntando o porque ele fez isso. Não deixou nem um bilhete e foi embora sem se despedir de nós. Estou em pedaços porque vi ele pendurado na corda e essa imagem não sai da minha cabeça, eu durmo porque estou cansada, não tenho fome. Acordei hoje pensando nele assim como ontem e já vem a vontade de chorar e a mente se perguntando porque Deus? Porque ele fez isso?
    Eu peço que de Deus me ajude a passar por esse momento tão difícil que ele ajude principalmente minha Mãe que está desolada e tenho medo de todos nós termos depressão por tudo isso que estamos passando.
    Meu e-mail é [email protected]

  17. Perdi meu marido a 20 dias…a saudade, a culpa, a tristeza intensa, um buraco gigante no peito, tem machucado de mais.
    Meu amigo, meu companheiro…trabalhávamos juntos, fazíamos tudo juntos. Casados a 21 anos, muitos altos e baixos, pois ele lutava arduamente pra se manter sóbrio em relação a dependência química e durante a última recaída não suportou e tirou a própria vida 😔 temos vivido dias muito difíceis.

    1. Oi Lilian, lamento muito sua perda. Aqueles que amamos vivem para sempre dentro de nós. Recomendo muito o livro O ano do pensamento mágico, de Joan Didion. Não é auto-ajuda, é literatura. Um abraço forte. Rosiane

  18. Perdi minha filha para o suicídio minha vida nunca mais foi igual no dia 18.11.2021 vai fazer três anos parece que foi ontem faço terapia/ psiquiatria/psicólogo corre e nado para tentar continuar tem momentos que me sinto fraco e o pensamento quer me levar
    Gostaria de fazer parte de um grupo de pessoas com os mesmos sentimentos.
    Meu email [email protected]

  19. Encontrei esse site por acaso, em 04 de junho de 2021 , depois de ficar 2 dias fora de casa , usando bebida e drogas pesadas, meu irmao de 28 anos tirou sua vida ! o que doi foi meu pai o ter encontrado inforcado com um fio de telefone pendurado na janela do quarto. como ele ja havia tentado outras duas vezes minha mae sempre ficava de olho quando ele chegava em casa bebado pois sabia que ele tentaria contra sua vida . A bebida e a droga davam um gatilho inexplicável nele. Sobrio um cara lindo, cheio de vida , apaixonado pela namorada e pela filinha de 1 ano. Ninguem acreditou quando recebeu a noticia. Agora cinco meses depois eu vejo meus pais tristes, me mudei temporariamente para a casa deles afim de fazer compania ate que meu apto fique pronto, Sou espirita entao para mim foi muito dificil entender o que aconteceu, saber o que acontece no outro plano, que o sofrimento nao acaba, que eu sei qe ele se arrependeu. Passamos por todos os processos de culpa , raiva, perguntas, nao sei quantos dias consegui ficar sem chorar por saudades dele, eu nao consigo ver minha mae se acabando em tristeza, meu pai chorando todas as vezes que bebe . Nossa familia perdeu a estrutura e eu luto todos os dias para que seja reestabelecido a uniao, força e saude da minha familia . sofremos uma violencia muito grande e levaremos tempo para nos reerguer. a nossa força vem de Deus , para nos acalmar, nos ajudar, nos orientar. e esse mesmo Deus , é o Deus de amor, de misericórdia, de perdão! eu creio que ele ficara bem , e nos tambem.

  20. Boa tarde a todos!
    Fiquei muito emocionado com cada relato.
    Eu também já perdi um ex-chefe que o considerava como se fosse o meu pai, passei uma manhã inteira conversando com ele pessoalmente na residência dele, já depois de não trabalhar mais em sua empresa, notava que ele falava muitas frases que me fizeram entender que a vontade de praticar o suicídio já estava em seu coração, lembro que citei a seguinte frase;
    Peça a Deus para que lhe dê forças para passar por tudo aquilo que o senhor não pode mudar…
    Ele me perguntou se eu tinha coragem de me matar, no que eu lhe respondir!
    Não, porque tirar a vida para fugir de problemas é um ato de covardia.
    Por mais que seja difícil e até mesmo irreversível, para todos os problemas Deus tem uma solução. Eu disse pra ele também que o mesmo era inteligente tinha duas formações proficionais e poderia contribuir pra ajudar às pessoas na área em que era formado.
    Fiz diversos elogios a ele pelo que ele fez por mim enquanto eu fui do quadro de funcionários de sua empresa.
    Mais de nada adiantou depois de uns meses eu fui informado de que ele tirou a vida me deixando triste de mais.
    Quero finalizar dizendo que o melhor remédio para quem está em estado de depressão profunda se chama jesus.
    O melhor, ele não é apenas um remédio, porque o remédio combate e jesus cura definitivamente, eu já tive depressão e fui curado lendo as páginas da bíblia sagrada que tem uma resposta para cada pergunta.
    Que Deus abençoe a todos.

Comments are closed.

Últimas Notícias

Radiocaos Fosfórico

Neste episódio os textos e ideias combustíveis de Trin London, Merlin Luiz Odilon, Menotti Del Picchia, Alana Ritzmann, Otto Leopoldo Winck, Gabriel Schwartz, Cyro Ridal, Robson Jeffers, Guilherme Zarvos, Carlos Careqa, Clarice Lispector, Luciano Verdade, Giovana Madalosso, Charles Baudelaire, Arnando Machado, Edilson Del Grossi, Francisco Cardoso, Liliana Felipe, Valêncio Xavier, Carlos Vereza, Ícaro Basbaum, Mauricio Pereira, Mano Melo, Monica Prado Berger, Amarildo Anzolin, Antonio Thadeu Wojciechowski, Marcelo Christ Hubel, Cida Moreira, entre outros não menos carburantes.

Redação Plural.jor.br