Deputado bolsonarista do Paraná tenta tumultuar CPI e é retirado pela polícia - Jornal Plural
4 ago 2021 - 13h36

Deputado bolsonarista do Paraná tenta tumultuar CPI e é retirado pela polícia

Nem a base do governo na CPI apoiou a atitude de Reinhold Stephanes Jr

O deputado federal Reinhold Stephanes Jr. (PSD-PR) foi retirado pela Polícia Legislativa da sessão da CPI da Covid do Senado Federal, nesta quarta-feira (4). Bolsonarista, Stephanes foi à sala onde acontecia a reunião da comissão e gravou um vídeo criticando o trabalho do colegiado. O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), que presidia a reunião, pediu que a segurança autuasse e retirasse o deputado do local por desacato. Um vídeo que mostra a situação foi publicado pelo jornal Metrópoles.

Nem a a base de apoio do governo defendeu a atitude do deputado. Fernando Bezerra, líder de Bolsonaro no Senado, disse refutar a ação. Após a identificação do deputado, Randolfe sugeriu a abertura de processo no Conselho de Ética contra o paranaense.

Stephanes não é da safra original de bolsonaristas nem pode tentar puxar para si a imagem de político anti-sistema. Ele é filho de Reinhold Stephanes, atual secretário de Administração do Paraná, que já ocupou os cargos de ministro da Previdência e da Agricultura. Junior já foi deputado estadual e em 2018 tentou disputou uma cadeira para federal. Ficou na suplência e assumiu o mandato após o Ratinho Junior nomear deputados federais para cargos em seu governo.

Se puder, assine o Plural. Você pode escolher o valor que quer pagar. Isso faz muita diferença para nós: ser financiados por leitoras e leitores. As assinaturas nos mantêm funcionando com uma equipe que hoje tem oito pessoas e dezenas de colaboradores. Somos um jornal que cobre Curitiba em meio aos obstáculos da pandemia e fazemos isso com reportagens objetivas, textos de opinião e de cultura, charges e crônicas. Obrigado pela leitura.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias