Procon libera mercados e farmácias para barrar gente que esteja estocando itens | Jornal Plural
21 mar 2020 - 14h33

Procon libera mercados e farmácias para barrar gente que esteja estocando itens

Medida tenta evitar desabastecimento de determinados produtos

O Procon do Paraná publicou uma medida que permite a estabelecimentos comerciais do estado limitar o número de itens que venderá a cada cliente. A medida já passou a valer.

A intenção é que mercados, farmácias e e outros comércios possam barrar fregueses que estejam nitidamente comprando acima do necessário, para fazer estoque, causando desabastecimento.

Segundo a diretora do Procon paranaense, Cláudia Silvano, não há motivos neste momento para estocar alimentos. Não há desabastecimento e é preciso ter consciência de que se alguém comprar uma quantidade muito alta de um produto, outras pessoas poderão ficar sem.

Isso aconteceu, por exemplo, no caso de álcool em gel e máscaras, e em alguns lugares também com papel higiênico.

Ei, você! O Plural pretende sempre oferecer conteúdo gratuito e de qualidade. Mas isso só é possível se a gente tiver apoio de quem gosta do projeto. Olha só: você clica aqui, faz uma assinatura de R$ 15 e ganha um jornal para a cidade. Tá barato, hein?

Um comentário sobre “Procon libera mercados e farmácias para barrar gente que esteja estocando itens

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias