Paraná suspende aulas para conter Covid-19 | Jornal Plural
26 fev 2021 - 11h51

Paraná suspende aulas para conter Covid-19

Serviços religiosos e atividades não essenciais estão suspensas. A venda de bebidas alcóolicas e a circulação de pessoas será restrita das 20 às 5h

O governo do Paraná suspendeu as aulas presenciais em todas as escolas públicas e privadas do estado a partir de 27 de fevereiro a 8 de março. A decisão é parte de um pacote de medidas que visam conter o colapso do sistema de saúde no estado por conta do aumento de casos de Covid-19.

Também foi determinada a suspensão de todas as atividades não essenciais a partir de 27 de fevereiro, proibição de circulação em vias públicas das 20h às 5h e a comercialização de bebidas alcóolicas no mesmo período. Atividades religiosas poderão ser realizadas apenas online ou individualmente.

O trabalho nos órgãos governamentais voltam para a modalidade de home office. O comércio de alimentos em restaurantes e lanchonetes será restrito a delivery, drive thru e retirada. Todas as cirurgias eletivas estão suspensas por 30 dias em todo estado.

Para justificar as medidas adotadas, o governo apontou que entre o dia 25 e 26 de fevereiro o número de pessoas aguardando vagas em UTIs e enfermaria aumentou 31% e chegou 578 pessoas. Além disso o estado está com 94% das UTIs e 74% das unidades de enfermaria.

Evolução da fila de pacientes aguardando de leitos para Covid-19

Segundo o médico Vinicius Filipak, diretor de Gestão em Saúde da Secretaria de Estado da Saúde (SESA), a situação é dramática. “Houve um crescimento vertiginoso da ocupação de leitos”, disse. Filipak também destacou que a mortalidade entre pacientes internados com Covid-19 no estado está em 25%. “A cada quatro pessoas internadas, uma irá a óbito. Nas UTIs essa mortalidade é de 40%”, explicou.

Filipak atribuiu a piora a provável presença de uma nova cepa do vírus no estado. Apesar do governo ter anunciado a abertura de 99 leitos de UTI e 153 leitos de enfermaria, o diretor da Sesa diz que o aumento da mortalidade e no número de dias de internação piora o prognóstico de pessoas que se contaminarem com o vírus.

O governo também prometeu endurecer a fiscalização do cumprimento das medidas.

Se puder, assine o Plural. Você pode escolher o valor que quer pagar. Isso faz muita diferença para nós: ser financiados por leitoras e leitores. As assinaturas nos mantêm funcionando com uma equipe que hoje tem oito pessoas e dezenas de colaboradores. Somos um jornal que cobre Curitiba em meio aos obstáculos da pandemia e fazemos isso com reportagens objetivas, textos de opinião e de cultura, charges e crônicas. Obrigado pela leitura.

4 comentários sobre “Paraná suspende aulas para conter Covid-19

  1. Os Colégios nesse período vão manter atendimento de secretaria , distribuição do leite das crianças e atividades pedagógicas?
    O período noturno, os colégio vão manter em aberto? Os estágios dos cursos técnicos, tem alguma previsão de início?

    1. Mirian,
      Estão suspensas todas as atividades de ensino no estado, da educação infantil até o ensino superior. As escolas públicas só vão manter a entrega de kits de alimentação e atividades.

  2. Esse cidadão que ocupa a cadeira de governador é o mais próximo e adulador do que ocupa o planalto. Atende à pressão do comércio, das escolas particulares, vai a eventos sem máscara, com o chefe genocida, e agora aparece como preocupado com a situação. A ignorância dos governos e das pessoas vai cobrando seu preço.

  3. Precisam dos profissionais da linha de frente atuando 24h.Alguém já parou para pensar que temos filhos, que precisam ser cuidados para que possamos cuidar dos outros?Quem não tem família…faz como? A alta dos casos não foram por causa das volta as aulas ….vamos punir nossas crianças físicamente e mentalmente até quando? Quem tem filhos sabe do que estou falando! Milha filha melhorou a ansiedade …os medos …com a volta a escola…por favor governantes tenham piedade das nossas crianças…vamos ter que conviver com o vírus e administrar isso na sociedade. Elas nao vão a festas clandestinas …Nao é punindo as crianças que vamos conseguir isso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assuntos:

Últimas Notícias