Para viabilizar terceira via, Oriovisto propõe segundo turno com 3 candidatos - Jornal Plural
9 set 2021 - 18h09

Para viabilizar terceira via, Oriovisto propõe segundo turno com 3 candidatos

Ideia do parlamentar é diminuir a polarização e garantir a presença de partidos centro no segundo turno

Diante da polarização política e da dificuldade de emplacar uma via alternativa aos nomes de Lula e Jair Bolsonaro nas eleições de 2022, o senador Oriovisto Guimarães (Podemos) decidiu propor uma mudança no sistema eleitoral que beneficiaria partidos e candidatos de centro. O parlamentar está escrevendo uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) para que o segundo turno das eleições passe a ser disputado por três candidatos.

Ainda há poucos detalhes sobre o texto, que deve ser finalizado e apresentado na semana que vem, mas o próprio senador confirma a iniciativa e explica o motivos que o levaram a propor a mudança.

“O Brasil tem partidos demais. Tem quase 30 partidos. E, provavelmente, nós teremos um candidato de esquerda, que será o Lula, um de direita, que será Bolsonaro – mas não só pensando na próxima eleição, mas em todas – e provavelmente o centro vá se dividir em três, quatro candidatos. Aí o que vai acontecer? No segundo turno, todos os eleitores que votaram em candidatos de centro ficam perdidos, ficam sem ter em quem votar”, explica.

“Se tivéssemos três candidatos no segundo turno, a eleição seria muito mais interessante. Em vez de votar num candidato porque não gosto do outro, eu poderia me identificar com um candidato que realmente eu gosto”, diz.

A proposta não é uma novidade. Em 2019 foi apresentada uma PEC de mesmo teor na Câmara, mas Oriovisto quer fazer o texto tramitar pelo Senado, onde, segundo ele, “as coisas andam mais rápido”.

Se puder, assine o Plural. Você pode escolher o valor que quer pagar. Isso faz muita diferença para nós: ser financiados por leitoras e leitores. As assinaturas nos mantêm funcionando com uma equipe que hoje tem oito pessoas e dezenas de colaboradores. Somos um jornal que cobre Curitiba em meio aos obstáculos da pandemia e fazemos isso com reportagens objetivas, textos de opinião e de cultura, charges e crônicas. Obrigado pela leitura.

9 comentários sobre “Para viabilizar terceira via, Oriovisto propõe segundo turno com 3 candidatos

  1. Como dizia Einstein, a inteligência é finita, mas a estupidez é infinita. Os três senadores do Paraná são de uma mediocridade tamanha que só poderia vir de um deles uma proposta dessas.

  2. Mais uma vez o senador, empresário, escritor, professor, palestrante e sabe-se lá o que mais mostra como é um homem de visão. Como ninguém havia pensado nisso antes??? Humilde contribuição, senador: proponho uma repescagem com o 4, 5 e 6 colocados, daí, os dois melhores desta fase se juntam aos três do segundo turno. Por fim, fazemos depois um terceiro turno, só com os três sugeridos pelo senhor. Quem sabe aí o Doria, o Rato, o Amoedo, o Richa ou mesmo o senhor (olha só!!!) possam brincar na fase final, que dará vaga aos pleitos de 2024 ou 2026. Parabéns pela proposta.

  3. Tentou emplacar a prisão em segunda instância para tirar o Lula da jogada, fracassou! Agora com essa Emenda pretende alçar o “Justiceiro da Republiqueta de Curitiba” para o segundo turno. Esqueça senador, nem se forem quatro para o segundo turno o seu o ídolo estará dentre eles. A máscara caiu ou o senhor ainda não percebeu?

  4. Sim interessante a proposta do Senador Oriovisto. Mas no momento incabível ainda dá tempo para a terceira via se mexer e se continuar assim parada e com muitos se achando será impossível, 56% dos eleitores Brasileiros ainda não tem candidatos não votam no Lula corrupto PT, e no Genosida louco despreparado Bolsonaro. Então só nos resta aguardar pra ver quem vem Salvar nossa tão querida PÁTRIA BRASIL…………forte abraço

  5. É incrível como a capacidade de criar factóides golpista é infindável na classe política brasileira. E, mais incrível ainda, como ela reflete os anseios golpistas das elites desse país.

    Se o que eu quero não está sendo o que a população quer, mudemos a regra do jogo e melemos o jogo até que a minha vontade prevaleça. Essa é a regra dessa trupe.

  6. Oportunidade para os candidatos de centro, de direita ou de esquerda, já se tem no primeiro turno da eleição. Não obtida a vitória por um candidato com a maioria dos votos válidos no primeiro turno, a ideia central é que, no segundo turno, os dois candidatos mais votados, arrebanhem votantes dos demais, dando legitimidade ao mandato daquele que se tornar vitorioso, pois terá a maioria dos votos válidos, o que não ocorreria com três candidatos. Essa é a essência da eleição em dois turnos.

  7. E pensar que joguei meu voto fora, votando nesse Senhor que só pensa em ajudar e privilegiar seus parceiros empresários que agora querem sugar na Educação também, sem falar no Secretário da Educação aqui do Estado, indicado por ele.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias