Dono da Havan recebeu auxílio emergencial de R$ 600 | Jornal Plural
Clube Kotter
2 jun 2020 - 22h23

Dono da Havan recebeu auxílio emergencial de R$ 600

Apesar de ser considerado uma das pessoas mais ricas do país, o pagamento do coronavoucher foi efetivado

O empresário Luciano Hang, dono das lojas Havan, foi incluído na relação de beneficiados com a primeira parcela do auxílio emergencial (coronavaucher) de R$ 600 repassado pelo governo federal. O Hang é considerado pela revista Forbes o sétimo homem mais rico do país. Ele tem uma fortuna estimada em US$ 2,2 bilhões (cerca de R$ 11,5 bilhões pela cotação desta terça da moeda norte-americana).

A informação veio à tona após dados do empresário, do presidente Jair Bolsonaro e seus filhos, ministros e outros apoiadores do governo federal terem sido vazados por supostos hackers.

No site da Caixa Econômica Federal, o auxílio emergencial pago a Hang aparece como pedido sendo avaliado. Na página também é possível ler que a solicitação havia sido aprovada e o crédito liberado. Para ter direito aos R$ 600, a pessoa precisa ter uma renda familiar mensal de até R$ 522,50 por pessoa.

Em sua conta no Twitter, o dono da Havan condenou o vazamento de informações pessoais e disse que a informação se tratava de fake news. Em nota enviada para a Veja, o empresário pede que o episódio seja apurado pelas autoridades.

Este texto é de responsabilidade do autor/da autora e não reflete necessariamente a opinião do Plural.

Últimas Notícias