14 nov 2020 - 9h55

Com câncer, Raul de Souza anuncia aposentadoria

Trombonista de 86 anos passa por tratamento e diz que voltará tocando outro instrumento

Raul de Souza, um dos mais prestigiados músicos brasileiros, anunciou sua aposentadoria como trombonista devido a um câncer na garganta. Aos 86 anos, o músico diz que não tem mais condições de voltar ao trombone e ao sax, mas diz que depois do tratamento pretende voltar à música com outro instrumento.

Com mais de 50 anos de carreira, Raul de Souza chegou a morar em Curitiba. Nascido no Rio de Janeiro, também morou nos Estados Unidos, onde se apresentou com grandes nomes do jazz.

No post em que anunciou sua aposentadoria como trombonista, o músico diz que a história será narrada numa autobiografia que ele estaria preparando. Parte da história dele foi narrada pelo repórter Felippe Anibal no Plural.

Se puder, assine o Plural. Você pode escolher o valor que quer pagar. Isso faz muita diferença para nós: ser financiados por leitoras e leitores. As assinaturas nos mantêm funcionando com uma equipe que hoje tem oito pessoas e dezenas de colaboradores. Somos um jornal que cobre Curitiba em meio aos obstáculos da pandemia e fazemos isso com reportagens objetivas, textos de opinião e de cultura, charges e crônicas. Obrigado pela leitura.

3 comentários sobre “Com câncer, Raul de Souza anuncia aposentadoria

  1. Boa noite! Para o mundo musical do sopro, orquestral, jazz,popular, de modo geral, lamentamos muito uma notícia deste nível, porque esta lenda do Trombone, Seu Raul, Raulzito, e, ou, o Raul de Souza, conseguiu ultrapassar obstáculos, barreiras culturais e apresentou o trombone de forma totalmente diferente, mostrou que o trombone de vara não foi feito apenas para tocar frevos. Vamos pedir a Deus que o senhor se recupere rápido. Apesar de não lhe conhecer pessoalmente, mas o Fato Consumado de Djavan, o Papel Machê de João Bosco executado pelo seu trombone ficou na história. A sua sonoridade do seu trombone é inconfundível. Vamos orar para que esse câncer desapareça da sua garganta. Isso não é nada para Deus!!! Grande abraço! Maestro Raul de Souza! Atenciosamente, Bosco do Trombone!!!

  2. Tive o orgulho e o prazer de conviver com Raul de Souza. Na época 89,90 ele morava na rua DELFINA, MEU VIZINHO NA VILA MADALENA. VÁRIAS TARDES ELE IA EM CASA, E TOCAVA SEU TROMBONE LÁ MESMO NA COZINHA. O CARA QUE JÁ HAVIA TOCADO EM QUASE TODOS OS PALCOS DO MUNDO, ..DIZIA QUE GOSTAVA DE TOCAR LÁ, PORQUE A ACÚSTICA ERA PERFEITA. VOU SENTIR MUITA SAUDADE DESSE GÊNIO…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Os comentários feitos em textos do Plural são moderados por pessoas, não robôs, e não são publicados imediatamente. Não publicamos comentários grosseiros, agressões, ofensas, acusações sem provas nem aqueles que promovem tratamentos sem comprovação científica.

Últimas Notícias

Radiocaos Sueto

Radiocaos Sueto Neste episódio os textos e ideias ao léu de Andressa Nuss, Jorge Luis Borges, Ronaldo Conde Aguiar, Marcelo Sandmann, Carlos Careqa, Amarildo Anzolin, Salvatore Quasimodo, Wally Salomão, Carlos Drummond de Andrade, Ivan Justen Santana, Tom Waits, Livia Lakomy, Maria Luiza Lago, Marilia Kubota, Mauricio Pereira, William Shakespeare com Miguel Falabella, Julia Graciela, Jean Garfunkel, Roberto Prado, Alice Ruiz, Reynaldo Jardim, Luci Collin, entre outros incansáveis das letras.

Redação Plural.jor.br

É de graça


E vai continuar assim. Mas o nosso trabalho só existe porque ele é financiado por você, leitora e leitor, e por parceiros. Ajude o Plural a continuar independente. Apoie e assine por valores a partir de R$ 5 por mês.

Já é nosso assinante?
Faça seu login com email ou nome de usuário

Não é assinante?  Assine por valores a partir de R$ 5 por mês.

This will close in 20 seconds