Vídeo que mostra ‘obra fake’ de Greca em Curitiba viraliza

Prefeitura anunciou asfaltamento na rua Saldanha Marinho, no Campina do Siqueira, divulgou fotos, mas obra ainda não começou

Um vídeo gravado por uma moradora do Campina do Siqueira, em Curitiba, viralizou ao mostrar uma ‘obra fake’ da prefeitura. Da janela de casa ela flagrou maquinário abrindo um buraco na rua Saldanha Marinho, mas apenas para que a equipe de comunicação fizesse fotos do prefeito Rafael Greca (PSD) anunciar a obra.

No site oficial da prefeitura de Curitiba a informação é de que a obra foi lançada na sexta-feira (17) e que terá 170 metros de asfalto entre as ruas Bernardo Stavski e João Stavski.

Leia também: Índice de analfabetismo em Curitiba é de 1,5%, aponta IBGE

De acordo com o vídeo, o maquinário chegou pela manhã, bem como funcionários da prefeitura, que produziram as imagens e vereadores. Também foram ouvidos moradores da região para falar sobre a importância da obra.

Após a captação das imagens o buraco foi fechado e as placas que indicavam o canteiro de obras retiradas, já que a obra ainda não havia começado de verdade.

Assista:

Obra em andamento

Depois da repercussão do vídeo na internet a prefeitura de Curitiba publicou um novo texto no site afirmando que “as obras continuam”. O material está disponível aqui e justifica o fechamento do buraco porque “o trecho que recebe a obra é bastante movimentado, com alto fluxo de motoristas que utilizam a via como acesso à Avenida Mário Tourinho. Em função do volume de chuva previsto pela meteorologia para o fim de semana, o buraco que havia sido aberto para sondagem da rede pluvial foi coberto para evitar acidentes e permitir o acesso dos moradores”.

Quanto ao “sumiço” dos trabalhadores após a saída de Greca a Secretaria de Obras informou que após às 17h é comum haver diminuição no ritmo porque os servidores da pasta começam a trabalhar muito cedo.

Texto atualizado às 14h37 com posicionamento da prefeitura.

Sobre o/a autor/a

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O Plural se reserva o direito de não publicar comentários de baixo calão, que agridam a honra das pessoas ou que não respeitem níveis mínimos de civilidade. Os comentários são moderados por pessoas e não são publicados imediatamente.

Rolar para cima