Instituição voluntária arrecada doações para reconstrução de casas no RS

Doações pode ser feitas até domingo (26) na sede da Nova Acrópole em Curitiba

A Organização Internacional Nova Acrópole de Curitiba realiza campanha de arrecadação de donativos para as famílias atingidas pela enchente no Rio Grande do Sul. As doações podem ser feitas até o próximo domingo (26). Os itens doados serão encaminhados à cidade de Sinimbu, uma das mais afetadas pelas enchentes e que está praticamente isolada.

A organização fez um levantamento com ajuda dos voluntários da Nova Acrópole de Santa Cruz do Sul, cidade próxima a Sinimbu, para identificar que itens as famílias precisam para recomeçar suas vidas.

As doações podem ser entregues na filial da Nova Acrópole de Curitiba, que fica na Rua General Carneiro, 881 e funciona de segunda a quarta-feira  das 19h às 22h e aos sábados das 08h30 ao meio dia.

Entre os itens solicitados pelas famílias estão armários de banheiro, armários de cozinha, balcões para pia, berço, cadeiras, colchões e camas de casal. Camas e colchões de solteiro, fogões, pias completas, roupeiros, sofás, toalhas, travesseiros, cobertores e um violão.

Para os eletrodomésticos, como geladeira, e maquinas lava roupas a instituição pede que esse itens seja doado o valor via PIX ou PayPal para garantir a aquisição de itens em bom estado. 

Contribuições financeiras também serão destinadas para compra de materiais de construção para auxiliar na reconstrução de algumas casas levadas pela correnteza. 

As doações em dinheiro podem ser feitas por PIX para a Nova Acrópole de Santa Cruz do Sul pelo celular 51997520420 da Associação De Estudos Filosóficos De Santa Cruz Do Sul. 

Confira mais informações (aqui).

Sobre o/a autor/a

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O Plural se reserva o direito de não publicar comentários de baixo calão, que agridam a honra das pessoas ou que não respeitem níveis mínimos de civilidade. Os comentários são moderados por pessoas e não são publicados imediatamente.

Rolar para cima