Um novo olhar

Às vezes, me pego pensando: como será que as pessoas que me leem me imaginam ser? Será que acham que ainda estou acamada, cheia de acessos, usando fralda e uma sonda nasogástrica? Eu já fui assim, hoje não mais

Camila Fabro