A partir de segunda, Curitiba retoma "quarentena de domingo" | Jornal Plural
4 set 2020 - 20h18

A partir de segunda, Curitiba retoma “quarentena de domingo”

“Bandeira laranja” retorna, mas com modificações. Confira o que pode ou não funcionar

Nesta sexta-feira (4), Curitiba voltou a decretar “bandeira laranja”, que aponta risco médio para contaminações por coronavírus. Na prática, as novas restrições do decreto 1160/2020 passam a valer a partir de segunda-feira (7). Elas restringem atividades comerciais aos domingos e proíbem o funcionamento de bares em qualquer dia da semana.

Embora a cidade já tenha usado essa bandeira anteriormente, as restrições impostas agora não são exatamente as mesmas de antes. Segundo a secretária municipal de Saúde, Márcia Huçulak, as alterações no funcionamento da bandeira acontecem porque o órgão “aprendeu algumas coisas” ao longo deste 176 dias de pandemia.

“Aglomerações são o problema, onde tem aglomeração nós vamos intervir”, afirmou Huçulak ao explicar porque, por exemplo, bares voltarão a ser restringidos, mas academias poderão funcionar. Segundo a secretária, as academias têm apresentado pouco movimento, e a implementação de bons protocolos de uso do espaço – o que justificaria a não proibição.

Como fica

A capital paranaense deve retomar “a quarentena de domingo”, na qual todas as atividades ficam suspensas neste dia da semana. Aos domingos as únicas modalidades de comércio permitidas são: entrega (delivery), retirada no carro (drive thru) ou no balcão (take away).

Os bares, que tinham permissão para voltar a funcionar oferecendo bebidas e comida, terão suas atividades suspensas. Eventos sociais, festas e atividades similares que gerem aglomerações seguem proibidas.

O comércio não essencial de rua volta funcionar apenas de segunda a sábado, das 10h às 20h. O mesmo período vale para galerias e centros comerciais. Shoppings apenas de segunda a sábado, das 12h às 22h. Todas essas atividades só podem atender aos domingos por meio de entrega.

Escritórios, salões de beleza, pet shops e academias não terão restrição de horário, mas estão proibidos de abrir aos domingos. Restaurantes e lanchonetes estão autorizados de segunda a sábado até às 23h, depois desse horário só delivery ou drive-thru. Panificadoras, padarias e confeitarias também podem atender de segunda a sábado até às 23h, mas aos domingos devem abrir das 6h às 18h, sem possibilidade de consumo no local.

Mercados poderão funcionar sem restrição de horário de segunda a sábado, mas estão terminantemente proibidos de funcionar aos domingos. O mesmo vale para quitandas, mercearias, distribuidoras e afins.

Atividades físicas poderão ser feitas em parques e praças, desde que os praticantes utilizem máscaras e não permaneçam no local. As atividades, no entanto, devem ser individuais.

Para Huçulak, a decisão de 18 de agosto de mudar da “bandeira laranja” para a “amarela” não foi um equívoco: “Todos os números indicavam isso”, afirmou.

Se puder, assine o Plural. Você pode escolher o valor que quer pagar. Isso faz muita diferença para nós: ser financiados por leitoras e leitores. As assinaturas nos mantêm funcionando com uma equipe que hoje tem oito pessoas e dezenas de colaboradores. Somos um jornal que cobre Curitiba em meio aos obstáculos da pandemia e fazemos isso com reportagens objetivas, textos de opinião e de cultura, charges e crônicas. Obrigado pela leitura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias