Conselho anula impugnações de candidaturas ao Conselho Tutelar | Plural
6 nov 2019 - 0h17

Conselho anula impugnações de candidaturas ao Conselho Tutelar

Conselheiros acatam parecer e cancelam todas as cassações de candidaturas

As sanções aplicadas a candidatos ao Conselho Tutelar de Curitiba pelo Conselho Municipal de Direitos da Infância e Adolescência (Comtiba) nos últimos dias 25 e 28 de outubro estão anuladas. A decisão foi tomada em reunião extraordinária do Conselho, que acatou um parecer do Ministério Público.

A manifestação do MP considerou que os conselheiros que participaram das audiências dos dias 25 e 28 de outubro não eram todos parte da Comissão eleitoral nomeada em fevereiro de 2019. Um dos exemplos é o próprio presidente do Comtiba, Renan Ferreira, que assumiu o cargo depois que Marjorye Gaiovicz deixou o órgão.

O cancelamento é mais um episódio num processo eletivo cercado de problemas. Além disso, o parecer do MP revela uma irregularidade que aconteceu na presença das representantes do órgão, que participaram de todas as audiências.

A expectativa é que os pedidos de impugnação sejam analisados novamente em novo cronograma ainda a ser definido. Neste dia 5, o Comtiba se manifestou apenas por Nota Explicativa publicada na página da eleição. Enquanto isso, todos os candidatos estão habilitados para a eleição deste domingo, dia 10 de novembro.

Isso inclui quatro candidatas que haviam sido cassadas: Kauana Lopes Maia e Daiane de Moura Kehl Menin, da Regional Tatuquara, Márcia Regina da Silveira, da Regional Santa Felicidade e Salete Maria Pires Costa, da Regional Bairro Novo.

Ei, você! O Plural pretende sempre oferecer conteúdo gratuito e de qualidade. Mas isso só é possível se a gente tiver apoio de quem gosta do projeto. Olha só: você entra na nossa lojinha, faz uma assinatura de R$ 15 e ganha um jornal para a cidade. Tá barato, hein?

Assuntos:

Últimas Notícias