Por que Manu Gavassi é a campeã do BBB antes mesmo do resultado da final? | Jornal Plural
27 abr 2020 - 20h14

Por que Manu Gavassi é a campeã do BBB antes mesmo do resultado da final?

Rainha Maria Manuela Gavassi nos deu muitas lições de marketing dentro e fora da casa.

Antes de mais nada, preciso declarar que minha torcida é para a Thelma. Mas a verdadeira vencedora do BBB 20 é a cantora, atriz, dubladora e vetezeira, Manu Gavassi. Quem assiste ao programa desde o primeiro dia sabe que, desde que botou os pés na grama sintética da casa mais vigiada do Brasil, ela tem sido um destaque.

Tal como um The Sims, Manu Gavassi ficou parada esperando alguma coisa acontecer no jogo. 

Mas, como ela e toda a sua equipe sabem da importância de manter as conversas vivas, no mesmo dia em que o programa começou, ela soltou o primeiro de uma série de vídeos incríveis que parecem ter sido produzidos pela Mãe Diná. A série Garota Errada, fazendo referência ao título de uma de suas músicas mais famosas, tem trazido inúmeras situações que ela vive dentro da casa, mas foram todos gravados, obviamente, antes do início do programa. Essa é a lição número 1: planeje-se!

No vídeo, ela conta aos seguidores que está indo a um retiro espiritual e sugere como serão as reações de seus amigos. Até o momento, ele tem 5,5 milhões de visualizações.

Ela não sabia se seria bem vista ou odiada pelos participantes e pelo público, por isso, os vídeos com diversas reações sobre diversas situações são tão importantes. O planejamento foi tão importante que ela conseguiu antecipar as mais improváveis situações e deixou o público muito ansioso pra ver os vídeos de cenas que ela não viveu no reality – como ser anjo ou eliminada.

A Manu participou do maior paredão da história do Big Brother Brasil – e também da maior votação em todos os realities já existentes no mundo (sério, recebeu até um certificado do Guiness Book). Foram 1,5 bilhão de votos que decidiam se ela, Mari Gonzalez ou Felipe Prior permaneceriam na casa.

Claro, o tribunal da Internet é implacável. Ao saberem que Prior tinha apoio de diversos jogadores de futebol, encontraram um tweet antigo da Manu dizendo que odiava futebol. Pois bem, em poucos minutos a equipe perfeita de Manu Gavassi postou este vídeo.

Essa é a lição número 2: não espere o momento ideal passar! 

O vídeo foi rapidamente espalhado pela rede e, ainda que não convencesse que ela gosta de futebol, mostrou a capacidade dela de lidar com TODAS as situações possíveis. Um planejamento desse? Sonho!

Também tem a lição 2,5: seja melhor amiga da Bruna Marquezine… A atriz puxou muitos mutirões para salvar a Manu e desbancou até mesmo seu ex-namorado, Neymar Jr, que estava torcendo para Prior. 

“Obrigada, Mickey!” | Foto: Reprodução/Instagram

Ainda sobre paredões e Prior, Manu havia votado em Prior em outro paredão. A justificativa? Sororidade. O participante não entendeu o significado da palavra e a Manu disse para ele procurar assim que saísse da casa.

Prior demorou um pouco mais para sair, mas a busca no Google para a palavra sororidade aqui fora aumentou em 250%. Lição 3: frases de efeito (também) funcionam.

E sobre frases de efeito, Manu Gavassi entende meeeeeeesmo. Antes mesmo de entrar na casa, ela já se auto-intitulava “fada sensata”, que é um termo moderno pra dizer que a pessoa defende a liberdade alheia e emite opiniões sensatas sobre (quase) tudo. A Manu deu sorte: esse foi O BBB das fadas sensatas, a gente até já falou sobre isso aqui

Mas, ter sorte não é bem uma lição. O que é uma lição é você conhecer muito bem e o seu cliente e saber que ele não pode bancar um personagem na internet que não tem nada a ver com ele na vida real. A Manu bancou a talvez personagem. Eu defendo que não há como você fingir 24h por dia durante três meses ser é algo que não é. Mas, ainda que seja um personagem, o público comprou e a fada sensata foi salva no último paredão e garantiu que ela entrasse para o top 4 da competição.

Fadas são mesmo in-ven-cí-ve-is 🧚🏼

Tem algo que acontece muito na internet: às vezes você começa uma conversa em suas mídias sociais e ninguém dá muita bola. Nenhum seguidor responde e você se frustra, resolve não fazer mais. A Manu Gavassi dá mais uma lição: não desista das conversas que você acredita.

“Desprentesiosamente”, Manu Gavassi criou, dentro da casa, uma coreografia para a música “Don’t Start Now” da cantora Dua Lipa. No início, ela dançava sozinha. Um dia ensinou o mágico Pyong, depois foi ensinando as outras meninas da casa. Em pouco mais de um mês, a coreografia apelidada de “tamborzinho” ganhou as redes. O mais incrível é: foi notada pela própria Dua Lipa que retweetou a dança e se dispôs a cantar no BBB. PS: esse foi o tweet com maior engajamento da própria Dua Lipa. 

O que gerou, claro, uma reação hilária da Manu.

Se ela, na primeira vez que dançou sozinha, tivesse desistido da coreografia, não teria conquistado mais esse VT e mais essa lição para nós.

Mas não só de Internet vive uma cantora e atriz, né? Pelo menos não antes do BBB 20. Poucos dias depois de entrar na casa e conquistar uma boa parte do público, ela lançou  um clipe e uma TURNÊ! A lição nº 6 é: confie em seu trabalho!

Acontece muito do cliente achar que seu trabalho não é tuuuuuuuuuuuuudo isso para ser divulgado. Mas eu digo: se é bom para ser vendido, é bom para ser divulgado! A Manu poderia pensar que o público ia rejeitá-la e esperar sair da casa pra tomar uma atitude e lançar músicas. O que ela fez foi diferente das outras participantes cantoras: lançou antes de sair e deixou o público bem curioso pra saber o que de novo vai ser lançado. Curiosidade gera engajamento.

E, bem, o engajamento dela foi incrível. Entrou no ranking da Billboard, quebrando o recorde da Anitta e ganhou NOVE MILHÕES de seguidores no Instagram. A cantora tinha pouco mais de 4 milhões de seguidores ao entrar no programa e hoje, no dia da final, tem 13 milhões.

Ela perguntou no primeiro dia do BBB: who the f*ck is Manu Gavassi? E eu respondo: uma gênia do marketing.

Este texto é de responsabilidade do autor/da autora e não reflete necessariamente a opinião do Plural.

Últimas Notícias