fbpx
OR
Colunistas destaque

“Apanhador no campo de centeio” ganha nova tradução no Brasil

J.D. Salinger, autor de um dos grandes clássicos americanos.
Escrito por Daniel Dago
Compartilhe

Todavia lança nos próximos meses tradução de Caetano Galindo para clássico de Salinger

Compartilhe

A Todavia acaba de anunciar que lançará uma nova tradução deO apanhador no campo de centeio, de J.D. Salinger. O marco da literatura norte-americana do pós-guerra, durante décadas, contou apenas com uma única tradução, de Álvaro Alencar, Antônio Rocha, Jorio Dauster, e sustentava sozinho a Editora do Autor, fundada por Fernando Sabino e Rubem Braga.

O romance é cheio de brincadeiras linguísticas, e a tradução do trio era bastante datada. Agora, ganha nova roupagem nas mãos de Caetano Galindo, conhecido por suas traduções de Joyce e Foster Wallace. Sem dúvida, um dos grandes acontecimentos editorais do ano.

UNDER THE COMPANHIA

A Companhia das Letras comprou os direitos de Under the volcano, de Malcolm Lowry. O livro foi editado três vezes no Brasil, pela editora Artenova, em 1975, tradução de Angela Loureiro de Souza e Maurício Gomes Leite, pela Siciliano, em 1992, e L&PM, em 2007, ambas com tradução de Leonardo Fróes. Atualmente, estava fora de catálogo há alguns anos.

VIRADA À ESQUERDA

Os próximos títulos da coleção Aut-aut, da Âyiné, dedicada a autores de esquerda, são A cidade dos ricos e a cidade dos pobres, de Bernardo Secchi, e Mídia e revolução, de Peter Trawny.

Sobre o autor

Daniel Dago

Daniel Dago é tradutor de holandês.

Deixe seu comentário