Jeduca | Jornal Plural

Esse lugar também é meu

Trajetórias de 31 ex-bolsistas do Brasil Afroatitude mostram o acerto da premissa do programa: integrantes da primeira leva de cotistas raciais do país, esses estudantes precisavam de apoio para se afirmar e aproveitar seu potencial intelectual

Lorena Aubrift Klenk

Negro, cotista e diplomado

Como o Afroatitude, um programa de apoio a cotistas raciais, ajudou a mantê-los na universidade, fortaleceu a luta contra o racismo e contribuiu para formar uma geração de mestres e doutores negros oriundos de famílias de baixa renda

Lorena Aubrift Klenk