Colegas se despedem do professor Carlos Benkendorf, vítima da Covid-19 | Jornal Plural
25 fev 2021 - 19h21

Colegas se despedem do professor Carlos Benkendorf, vítima da Covid-19

Docente e líder sindical faleceu nesta manhã, aos 54 anos

Curitiba perdeu mais um grande professor para a Covid-19. Carlos Augusto do Nascimento Benkendorf faleceu nesta quinta-feira (25) pela manhã, aos 54 anos, deixando em luto a filha, a esposa e dezenas de alunos da Faculdade Anchieta e das Faculdades Integradas Santa Cruz, onde ele lecionava.

Segundo Valdyr Perrini, presidente do Sindicato dos Professores do Ensino Superior (Sinpes), Carlos era um profissional apaixonado e corajoso, pois trabalhava em um escritório de advocacia e mesmo assim apostava na docência e na luta pela classe.

Ele também integrava a diretoria do Sinpes desde 2012. “Era um dos raros professores de instituições menores que participam do Sindicato, porque quanto menor a empresa, mais o profissional fica cauteloso, mas ele era uma pessoa bastante combativa e engajada”, conta Perrini.

Bacharel em Direito pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR) e em História pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), Carlos era politizado e tinha uma visão de mundo que o colega descreve como extremamente agregadora para a luta sindical.

“Ele esteve presente na nossa última reunião, há 15 dias. Houve uma deliberação, por unanimidade, sobre o combate à volta às aulas presenciais enquanto não houvesse a vacinação dos professores. Ele concordou e foi bem firme neste sentido”, relembra o companheiro.

Infelizmente, na mesma ocasião, o professor compartilhou com o grupo que estava cuidando do pai, que logo depois faleceu de Covid-19. Ele foi hospitalizado em seguida e ficou internado durante uma semana. Ontem, apresentou uma leve melhora, mas não resistiu.

Nas redes sociais, amigos e alunos deixaram homenagens durante todo o dia. “Certamente está chegando ao céu, convocando uma assembleia para fundar nosso sindicato… Tenho certeza de que quando nos reencontrarmos, nossa convenção coletiva já terá sido aprovada e estará em plena vigência”, brincou carinhosamente outra colega de profissão. “Um poço de sabedoria jurídica e um ser humano com um coração enorme. Jamais será esquecido! Descanse em paz”, postou uma amiga. 

Se puder, assine o Plural. Você pode escolher o valor que quer pagar. Isso faz muita diferença para nós: ser financiados por leitoras e leitores. As assinaturas nos mantêm funcionando com uma equipe que hoje tem oito pessoas e dezenas de colaboradores. Somos um jornal que cobre Curitiba em meio aos obstáculos da pandemia e fazemos isso com reportagens objetivas, textos de opinião e de cultura, charges e crônicas. Obrigado pela leitura.

Um comentário sobre “Colegas se despedem do professor Carlos Benkendorf, vítima da Covid-19

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias