UFPR mantém aulas suspensas por mais 15 dias | Jornal Plural
30 abr 2020 - 18h47

UFPR mantém aulas suspensas por mais 15 dias

Nota técnica considera atividades acadêmicas remotas e flexibiliza retomada presencial de trabalhos administrativos e de pesquisa e extensão

Novas recomendações da Comissão de Acompanhamento e Controle de Propagação do coronavírus na Universidade Federal do Paraná (UFPR) consideram a retomada das atividades acadêmicas de forma remota. As aulas presenciais não devem voltar antes da segunda quinzena de maio.

O texto esclarece que não é possível prever por quanto tempo será mantida a suspensão das atividades presenciais, mas a decisão será reavaliada após 15 de maio.

O presidente da Associação dos Professores da UFPR (APUFPR), João Vieira Neto, explica que a entidade não concorda com o trabalho remoto, no entanto, é preciso avaliar uma alternativa.

“É verdade que temos uma exclusão pelo acesso remoto, mas também a temos no meio físico. Então, teremos que pensar juntos numa maneira de incluir todos que não têm acesso ao plano digital, pensando o que a instituição pode oferecer e como as pessoas vão receber isso”, avalia o docente.

“Vejo uma série de problemas. Vamos ter que pensar devagar, uma vez que se prove a necessidade. Será uma nova maneira de trabalhar. Precisamos de um grande projeto, já que os cursos têm natureza distinta”, recorda.

Retomada presencial

O item quatro da nota técnica da UFPR, porém, trouxe preocupação a servidores e pesquisadores. A recomendação é para que os trabalhos administrativos e de pesquisa e extensão sejam gradativamente retomados na forma presencial, desde que atendam a algumas condições de higiene e prevenção à covid-19.

A informação de volta ao trabalho foi esclarecida pelo reitor da UFPR, Ricardo Fonseca. “É uma nota técnica de especialistas. Ela funciona como um referencial consultivo para embasar a decisão administrativa, que vem por normas da universidade. Estas, sim, têm que ser seguidas internamente”, diz ele, destacando que a regra válida no momento é uma portaria da Reitoria. “Ela fala para todos ficarem em trabalho remoto por causa da pandemia.”

Mesmo entendimento tem o Sindicato dos Trabalhadores em Educação das Instituições Federais de Ensino Superior no Paraná (Sinditest-PR). “Entendemos que as portarias e ordens de serviço emitidas pela administração da UFPR, que instituíram o trabalho remoto como regra para os servidores da universidade, continuam vigentes e devem ser seguidas”, frisa o coordenador-geral do sindicato, Daniel Mittelbach .

Para a entidade, as atividades remotas dos servidores deve ser mantidas, no mínimo, até o final do próximo mês, “quando, então, deverão novamente ser reavaliadas”.

Ei, você! O Plural pretende sempre oferecer conteúdo gratuito e de qualidade. Mas isso só é possível se a gente tiver apoio de quem gosta do projeto. Olha só: você clica aqui, faz uma assinatura de R$ 15 e ganha um jornal para a cidade. Tá barato, hein?

Um comentário sobre “UFPR mantém aulas suspensas por mais 15 dias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias