Professores registram aglomeração em teste de PSS. Veja fotos | Jornal Plural
10 jan 2021 - 17h28

Professores registram aglomeração em teste de PSS. Veja fotos

Cerca de 40 mil professores fizeram provas neste domingo para conseguir vaga temporária no estado

Professores que fizeram as provas para vagas temporárias no ensino estadual neste domingo (10) registraram a aglomeração causada nos locais em que o teste foi realizado. Desde o anúncio da prova o sindicato dos professores e o Ministério Público pediram que o governo reconsiderasse a necessidade da prova (que nunca foi feita em outros anos) justamente em um período de pandemia.

Cerca de 40 mil inscritos fizeram provas no estado inteiro, disputando 4 mil vagas para dar aulas de várias disciplinas em todo o estado. Os contratos são de dois anos. Até a última seleção, a escolha dos temporários se dava exclusivamente pela análise de títulos e currículo.

Colégio Guido Arzua no Sítio Cercado
Colégio Guido Arzua, no Sítio Cercado.
Col´égio Dr. Xavier da Silva, no Centro.
Local de prova no Santa Cândida
Se puder, assine o Plural. Você pode escolher o valor que quer pagar. Isso faz muita diferença para nós: ser financiados por leitoras e leitores. As assinaturas nos mantêm funcionando com uma equipe que hoje tem oito pessoas e dezenas de colaboradores. Somos um jornal que cobre Curitiba em meio aos obstáculos da pandemia e fazemos isso com reportagens objetivas, textos de opinião e de cultura, charges e crônicas. Obrigado pela leitura.

3 comentários sobre “Professores registram aglomeração em teste de PSS. Veja fotos

  1. O sistema judiciário do Paraná quando permite o cancelamento da eleição para direção das escolas e nega a suspensão da PROVA para professores e pedagogos escancara a arbitrariedade e corrupção.

  2. Num país onde se duvida de todas as instituições, chego a pensar que a não suspensão das provas é um expediente para aprovação de alguns escolhidos previamente.

    1. Milhões que foram gastos em um processo seletivo que até ano passado tinha custo zero, poderiam ter sido usados para minimizar os efeitos da pandemia, com tratamentos ou auxílio financeiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assuntos:

Últimas Notícias