No PR, 11,6 mil pessoas da alta sociedade receberam auxílio emergencial | Jornal Plural
Clube Kotter
29 jun 2020 - 18h58

No PR, 11,6 mil pessoas da alta sociedade receberam auxílio emergencial

Donos de carros de luxo, embarcações, pessoas que doaram mais de R$ 10 mil em campanhas eleitorais, são alguns dos beneficiários das irregularidades

A Controladoria-Geral da União (CGU) identificou que 11.678 mil pessoas com alto padrão socioeconômico receberam uma das parcelas do Auxílio Emergencial no Paraná. O benefício do governo federal é destinado para pessoas de baixa renda.

O dinheiro no bolso dos ricos viola as regras da Lei nº 13.982/20, que estabelece o benefício para trabalhadores informais, autônomos, microempreendedores individuais e desempregados diante da crise causada pelo coronavírus.

Entre as pessoas que receberam o benefício foram identificados: sócios de empresas de médio e grande porte, pessoas que doaram valores acima de R$ 10 mil para campanha eleitoral em 2018, donos de embarcações e de carros de luxo e brasileiros residentes no exterior, mas que disseram morar no Paraná. Os investigados receberam apenas uma das parcelas, já que as outras foram bloqueadas pelo Ministério da Cidadania.

Atualmente, a CGU também trabalha para acionar as pessoas que receberam o benefício de forma indevida. O objetivo é que elas façam a devolução dos recursos recebidos. Além disso, a Controladoria quer evitar pagamentos irregulares no futuro. A investigação de fraudes está sendo realizada por meio do cruzamento de dados do benefício, feito com base em informações fornecidas pelo Ministério da Cidadania. O trabalho busca dar suporte as ações e decisões da pasta.

Contudo, é possível que algumas dessas pessoas não tenham solicitado o Auxílio Emergencial. Estas podem ter sido incluídas como beneficiárias do programa de forma automática, já que podem estar no Cadastro Único ou em programas como o Bolsa Família. O CPF pode também ter sido incluído como solicitante do recebimento irregular do auxílio por meio de outra pessoa.

Se puder, assine o Plural. Você pode escolher o valor que quer pagar. Isso faz muita diferença para nós: ser financiados por leitoras e leitores. As assinaturas nos mantêm funcionando com uma equipe que hoje tem oito pessoas e dezenas de colaboradores. Somos um jornal que cobre Curitiba em meio aos obstáculos da pandemia e fazemos isso com reportagens objetivas, textos de opinião e de cultura, charges e crônicas. Obrigado pela leitura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias