Médico expõe indignação com agressão em UPA | Jornal Plural
Clube Kotter
8 abr 2020 - 23h00

Médico expõe indignação com agressão em UPA

Paciente com suspeita de covid-19 pode ter contaminado equipe que o atendia no Sítio Cercado

Médico Igor Kazuo foi agredido por paciente com suspeita de covid-19

O médico Igor Kazuo, que levou um soco no rosto de um paciente com suspeita de covid-19, gravou um vídeo para falar da indignação de ser agredido no trabalho. “O que me preocupa é que, se ele realmente for confirmado [com covid-19] pode ter contaminado a mim e o restante da equipe”, diz.

Kazuo explica que o paciente estava agitado e recusou a transferência para o hospital Evangélico, apesar de estar com um quadro clínico característico da doença e também ter apresentado alteração no raio-X. Orientado pela supervisão da Unidade, o médico informou o paciente que ele não poderia deixar o local pelo alto risco de contaminação de outros pacientes.

Foi quando o homem, segundo o profissional, o agrediu com um soco. Ele também teria tentado tirar a máscara de proteção de outras pessoas e espirrado sangue na equipe. O sangue é um dos meios de transmissão do vírus, além de secreções, urina e fezes.

As imagens foram cedidas pela Fundação de Assistência a Saúde (FEAS), que administra a UPA.

Confira o vídeo:

Ei, você! O Plural pretende sempre oferecer conteúdo gratuito e de qualidade. Mas isso só é possível se a gente tiver apoio de quem gosta do projeto. Olha só: você clica aqui, faz uma assinatura de R$ 15 e ganha um jornal para a cidade. Tá barato, hein?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assuntos:

Últimas Notícias