Justiça nega desconto em mensalidades da PUCPR | Jornal Plural
Clube Kotter
28 ago 2020 - 16h03

Justiça nega desconto em mensalidades da PUCPR

Centro Acadêmico de Medicina havia solicitado desconto de 50% por conta da suspensão de atividades presenciais

Um pedido de concessão de 50% de desconto nas mensalidades do curso de Medicina da Pontifícia Universidade Católica do Paraná foi rejeitado pelo juiz Fernando Andreoni Vasconcellos, da 14a. Vara Cível de Curitiba. A demanda, de autoria do Centro Acadêmico de Medicina da Universidade, pediu a revisão dos valores com base nas mudanças ocorridas nas aulas e na suspensão de atividades presenciais em decorrência da pandemia de Covid-19.

Na decisão, Vasconcellos alegou que o desconto teria “efeito bumerangue” nos contratos e que há um cronograma previsto de reposição das aulas práticas. O vestibular 2021 também não deve ser afetado.

“Verifica-se que não há como melhorar a situação da parte autora – mediante concessão de desconto – sem agravar ou piorar a situação da demandada, lhe gerando custos adicionais, possíveis demissões e outras implicações financeiras decorrentes do desconto não previsto. Com efeito, a demandada informou que fará reposição das atividades presenciais e laboratoriais suspensas em decorrência da pandemia de COVID-19”, diz o magistrado.

Vasconcellos, no entanto, indicou que, caso não aconteça a reposição, os estudantes poderão voltar a pleitear o desconto ou ressarcimento.

Se puder, assine o Plural. Você pode escolher o valor que quer pagar. Isso faz muita diferença para nós: ser financiados por leitoras e leitores. As assinaturas nos mantêm funcionando com uma equipe que hoje tem oito pessoas e dezenas de colaboradores. Somos um jornal que cobre Curitiba em meio aos obstáculos da pandemia e fazemos isso com reportagens objetivas, textos de opinião e de cultura, charges e crônicas. Obrigado pela leitura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias