17 jan 2022 - 11h27

Hospital do Trabalhador reabre PS após alagamento

Setor havia sido fechado no sábado (15) devido a inundação causada pela chuva

Após alagamento em decorrência das fortes chuvas de sábado (15), que resultou no fechamento do pronto-socorro, o Hospital do Trabalhador (HT) de Curitiba reabriu o setor e retomou os atendimentos. Segundo a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), o serviço foi normalizado no final da tarde de ontem (16).

A chuva com granizo de sábado causou alagamentos em muitos bairros, como Alto da XV, Rebouças, Boqueirão e Guaíra. Em vídeo, é possível ver o Hospital do Trabalhador com o piso alagado.

Segundo a Sesa, aparelhos de raio-x foram comprometidos. Pacientes foram encaminhados para os hospitais Evangélico Mackenzie e Cajuru. 

Curitiba registrou ventos de 39,6 km/h e ao todo, 56 milímetros atingiram a capital. Também houve registro de alagamentos em pontos específicos, como na Linha Verde e entorno do Rio Belém. 

O Plural é um jornal independente mantido pela contribuição de nossos assinantes. Ajude a manter nosso jornalismo de qualidade. Assine o Plural. Você pode escolher o valor que quer pagar. E passa a fazer parte da comunidade mais bacana de Curitiba.

Deixe um comentário

Últimas Notícias

Bolsonaro não concluiu 84% das obras da transposição do Rio São Francisco, como alega vídeo

É enganosa a afirmação de que Jair Bolsonaro (PL) entregou 84% das obras da Transposição do rio São Francisco. Apesar do presidente ter retomado 222 km que haviam sido retirados do projeto original por administração anterior, a execução da obra atravessou outras três gestões federais que, juntas, entregaram mais de 90% da infraestrutura do empreendimento, considerando a extensão inicial – de 477 km

Projeto Comprova

É de graça


E vai continuar assim. Mas o nosso trabalho só existe porque ele é financiado por você, leitora e leitor, e por parceiros. Ajude o Plural a continuar independente. Apoie e assine por valores a partir de R$ 5 por mês.

Já é nosso assinante?
Faça seu login com email ou nome de usuário

Não é assinante?  Assine por valores a partir de R$ 5 por mês.

This will close in 20 seconds