12 maio 2022 - 8h02

Empresas pagam atrasados e greve de ônibus é suspensa

Categoria cobrava o pagamento de salários atrasados

A paralisação dos ônibus do transporte coletivo de Curitiba, prevista para esta quinta-feira, foi cancelada. A categoria havia aprovado indicativo de greve por conta de atrasos nos pagamentos de salários. Na quarta-feira, dia 11, as empresas informaram terem quitados os valores atrasados e a categoria cancelou o protesto.

Curitiba tem cerca de 8 mil motoristas e cobradores. A greve havia sido aprovada em assembleias realizadas pelo Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Ônibus de Curitiba e Região Metropolitana (Sindimoc) na segunda-feira, em quatro garagens de empresas da capital.

O Plural é um jornal independente mantido pela contribuição de nossos assinantes. Ajude a manter nosso jornalismo de qualidade. Assine o Plural. Você pode escolher o valor que quer pagar. E passa a fazer parte da comunidade mais bacana de Curitiba.

Deixe um comentário

Últimas Notícias

Bolsonaro não concluiu 84% das obras da transposição do Rio São Francisco, como alega vídeo

É enganosa a afirmação de que Jair Bolsonaro (PL) entregou 84% das obras da Transposição do rio São Francisco. Apesar do presidente ter retomado 222 km que haviam sido retirados do projeto original por administração anterior, a execução da obra atravessou outras três gestões federais que, juntas, entregaram mais de 90% da infraestrutura do empreendimento, considerando a extensão inicial – de 477 km

Projeto Comprova

É de graça


E vai continuar assim. Mas o nosso trabalho só existe porque ele é financiado por você, leitora e leitor, e por parceiros. Ajude o Plural a continuar independente. Apoie e assine por valores a partir de R$ 5 por mês.

Já é nosso assinante?
Faça seu login com email ou nome de usuário

Não é assinante?  Assine por valores a partir de R$ 5 por mês.

This will close in 20 seconds