Curitiba registra óbito sem comorbidades ou doenças crônicas | Plural
escola-publica-de-qualidade
26 Maio 2020 - 17h47

Curitiba registra óbito sem comorbidades ou doenças crônicas

Uma mulher de 49 anos estava internada desde 20 de maio, e faleceu essa semana

Nesta terça-feira (26/5), Curitiba registrou um óbito que “preocupou muito” a Secretaria Municipal de Saúde: uma mulher de 49 anos, muito abaixo da faixa etária dos grupos de risco, faleceu após uma semana internada. Além da pouca idade, a paciente não tinha registro de doenças crônicas ou comorbidades que “explicassem”, na visão do órgão, a fragilidade à Covid-19. A evolução do caso também foi rápida.

Além do novo óbito, o 39º em residentes da cidade, 14 novos casos também foram registrados. Agora, Curitiba soma 975 confirmações de infecção pelo novo coronavírus, e o número de casos suspeitos continua a crescer. Embora agora 1991 pacientes tenham o diagnóstico negativo para a infecção (apenas 13 a mais, nas últimas 24 horas), o número de casos suspeitos subiu de 307 para 343 de ontem para hoje – um acréscimo de 34 casos. Vale lembrar que, duas semanas após o Dia das Mães, o número de pacientes sob investigação deu um salto.

Dos 975 casos confirmados, 714 pacientes já se recuperaram da doença, e 294 passaram por internações. Hoje, são 84 pacientes em hospitais da cidade: mais da metade está em UTI, são 43 casos graves; e nove usam respiradores. Segundo a secretaria, a taxa de ocupação das 227 UTIs SUS, exclusivas para Covid, é de 35% até hoje (terça-feira). Esses leitos de UTI fazem parte de um total de 237 previstos para pacientes com sintomas e confirmados com a infecção. 

Além dos 39 óbitos confirmados até agora, a secretaria já investigou 254 mortes por suspeita de covid-19, sendo 251 descartadas e três ainda sem resultado.

No Paraná

Subiu para 3.512 o número de casos da Covid-19 no Paraná. O estado tem 159 óbitos em decorrência da doença. Em informe epidemiológico divulgado nesta terça-feira (26), a Secretaria de Estado da Saúde divulgou mais 182 confirmações e três falecimentos. Um caso que havia sido confirmado em Curitiba foi transferido para outro estado.

Os três pacientes que faleceram pela Covid-19 são dois homens e uma mulher que estavam internados. Uma moradora de Curitiba, de 70 anos, morreu no domingo (24). Um homem que residia em Cascavel, tinha 69 anos, e foi a óbito também no domingo (24). O outro homem, de 18 anos, era morador de Rancho Alegre, faleceu na sexta-feira (22).

Agora são 225 cidades paranaenses que têm ao menos um caso confirmado pela Covid-19. Em 63 municípios há registro de óbitos pela doença. As novas confirmações são nas cidades de Alvorada do Sul (1), Ângulo (1), Apucarana (3), Arapongas (1), Assaí (1), Campo Bonito (1), Campo Largo (1), Campo Mourão (1), Capitão Leônidas Marques (1), Cascavel (43), Castro (1), Céu Azul (3), Cianorte (1), Corbélia (1), Cornélio Procópio (6), Curitiba (27), Fazenda Rio Grande (3), Foz do Iguaçu (1), Francisco Beltrão (1), Guaraniaçu (2), Guarapuava (1), Guaratuba (14), Ibema (1), Ibiporã (1), Iguatu (1), Imbituva (1), Jacarezinho (1), Jaguapitã (1), Jaguariaíva (1), Lindoeste (1), Londrina (9), Mandirituba (2), Mangueirinha (1), Manoel Ribas (3), Maringá (10), Moreira Sales (1),  Palotina (3), Paranavaí (4), Pinhais (3), Ponta Grossa (1), Pontal do Paraná (1), Rancho Alegre (1), Rio Bonito do Iguaçu (1), São João (1), São José dos Pinhais (1), São Mateus do Sul (1), São Tomé (1), Sapopema (3), Sertaneja (2), Tamboara (3), Telêmaco Borba (1), Terra Rica (2), Toledo (1), Umuarama (1) e Uraí (1).

Um morador de Pederneiras, em São Paulo, atendido em Londrina, teve a confirmação da doença. Total de casos fora do estado é de 55. Um homem de 61 anos, morador de Porto Velho, Rondônia, foi a óbito no dia 24 de maio. No total, cinco pessoas que foram atendidas por aqui, mas não moram no Estado foram a óbito. 

Um caso confirmado no dia 7 de maio como residente em Curitiba foi transferido para Porto Velho, em Rondônia. Um caso confirmado no dia 21 de maio como residente de Piraquara foi transferido para São José dos Pinhais. Um homem confirmado como residente em Lupionópolis foi transferido para Londrina, no dia 21. E um caso confirmado no dia 24 último como residente em Ibiporã foi transferido para Cascavel.

Ei, você! O Plural pretende sempre oferecer conteúdo gratuito e de qualidade. Mas isso só é possível se a gente tiver apoio de quem gosta do projeto. Olha só: você clica aqui, faz uma assinatura de R$ 15 e ganha um jornal para a cidade. Tá barato, hein?
0 0 voto
Article Rating
Subscribe
Notificação
guest
0 Comentários
Comentário no texto
Ver todos

Últimas Notícias

0
Adoramos ouvir você, deixe seus comentáriosx
()
x