Copel oferta novo programa de demissão voluntária | Jornal Plural
7 out 2020 - 19h09

Copel oferta novo programa de demissão voluntária

Cerca de 930 funcionários preenchem os critérios para aderir ao programa

A Copel anunciou que um novo Programa de Demissão Incentivada (“PDI”) em duas fases. A primeira fase aceitará adesões até 15 de outubro e a segunda terá inscrições abertas de 1 a 15 de novembro. A empresa diz que 930 funcionários preenchem os critérios do programa e a previsão é que sejam pagas R$ 74,8 milhões em indenizações.

A empresa diz que irá economizar  R$ 168,7 milhões em custos anuais a partir de 2021.

A primeira fase é destinada a todo empregado em função de área técnica ou operacional, desde que tenha benefício de aposentadoria concedido ou solicitação de benefício protocolado junto ao INSS ou estar com, no mínimo, 25 anos de Copel e 55 anos de idade. Os desligamentos dos empregados que aderirem ao PDI nesta primeira fase acontecerão em 15 de novembro de 2020.

A segunda fase irá permitir a adesão ao Programa de empregados das demais áreas, cargos e funções, desde que tenham benefício de aposentadoria concedido ou solicitação de benefício protocolado junto ao INSS ou estar com, no mínimo, 25 anos de Copel e 55 anos de idade. Os desligamentos desta segunda fase acontecerão em 1º de dezembro de 2020.

Se puder, assine o Plural. Você pode escolher o valor que quer pagar. Isso faz muita diferença para nós: ser financiados por leitoras e leitores. As assinaturas nos mantêm funcionando com uma equipe que hoje tem oito pessoas e dezenas de colaboradores. Somos um jornal que cobre Curitiba em meio aos obstáculos da pandemia e fazemos isso com reportagens objetivas, textos de opinião e de cultura, charges e crônicas. Obrigado pela leitura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias