Com apenas quatro leitos para covid-19, SJP autoriza reabertura de shoppings e igrejas | Jornal Plural
30 abr 2020 - 23h56

Com apenas quatro leitos para covid-19, SJP autoriza reabertura de shoppings e igrejas

Maior cidade da Região Metropolitana de Curitiba tem 30 casos confirmados de coronavírus e uma morte pela doença

Um dia após o registro da primeira morte por coronavírus em São José dos Pinhais, o prefeito Toninho Fenelon (PSC) assinou, nesta quinta-feira (30), um decreto que permite o funcionamento dos poucos estabelecimentos comerciais que ainda não estavam de portas abertas na cidade. Mesmo com apenas quatro leitos específicos para contaminados por covid-19 (tendo um deles já ocupado), a Prefeitura libera, ainda, a reabertura de igrejas, autoescolas e atividades ao ar livre.

O restante do comércio já havia sido autorizado pelo prefeito a reabrir em 24 de abril. O Shopping São José anunciou que volta a funcionar neste sábado (2). O retorno dos clientes e funcionários, no entanto, está condicionado ao uso obrigatório de máscaras, disponibilização de álcool em gel e higienização contínua.

Não estão autorizados a funcionar cinemas, bares, academias, parques, serviços de recreação e diversão.

Praça de alimentação e restaurantes poderão abrir, mas deverão observar a distância mínima de dois metros entre as mesas.

O número de clientes deve ser limitado a 50% da capacidade em todos os estabelecimentos. Já nos cultos religiosos, o número de fiéis deve ser de, no máximo, 15% do normal.

Horário diferenciado

Com reabertura anunciada para este sábado, o Shopping São José irá funcionar com horário diferenciado. De segunda à sábado, abrirá das 12h às 20h. Aos domingos e feriados, das 14h às 20h; com exceção da praça de alimentação, que funcionará das 12h às 20h.

O superintendente do shopping, Marcos Raidan, destaca que estão cumprindo todas as medidas de segurança exigidas, inclusive com limpeza com produtos à base de quartenário de amônia (SD-ST) e peróxido de hidrogênio. Nos banheiros, os secadores de mãos foram substituídos por papeleiras e as filas foram sinalizadas com distância de 1,5 metros.

“Sabemos que a retomada das atividades é muito importante para inúmeros empresários e profissionais, contudo precisamos contribuir para que as atividades sejam realizadas com segurança”, diz ele.

O local tem 136 estabelecimentos comerciais. Algumas lojas terão funcionamento especial. A recomendação é de que apenas uma pessoa da família vá ao shopping.

Primeira morte

Nesta quarta-feira (29), São José dos Pinhais registrou a primeira morte por covid-19. O paciente era homem, tinha 53 anos e era morador do bairro Aristocrata.

Com uma população de 323 mil habitantes, a cidade tem 30 casos confirmados de coronavírus e outros 23 suspeitos, mas realiza testes apenas em pacientes graves, sendo que muitos são encaminhados para Curitiba.

O sistema de saúde municipal – que recebe acidentes de trânsito de toda região, tendo seu único hospital público frequentemente lotado – possui, segundo a Prefeitura, 39 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Destes, só quatro são específicos para covid-19. Um já está ocupado. Eles ficam na UPA Rui Barbosa, reativada pela Prefeitura para atender exclusivamente casos suspeitos de coronavírus.

Ei, você! O Plural pretende sempre oferecer conteúdo gratuito e de qualidade. Mas isso só é possível se a gente tiver apoio de quem gosta do projeto. Olha só: você clica aqui, faz uma assinatura de R$ 15 e ganha um jornal para a cidade. Tá barato, hein?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias