Sanepar queria 22,7% de aumento na água, revela documento | Jornal Plural
19 abr 2019 - 5h15

Sanepar queria 22,7% de aumento na água, revela documento

A empresa queria reajuste anual junto com a antecipação da revisão tarifária

Se você acha que os 12,13% aprovados de reajuste na tarifa de água pela Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Infraestrutura do Paraná (Agepar) são um índice alto, é porque não sabe que a Sanepar chegou a pedir 22,7%. É o que aponta o documento da agência sobre como se deu o processo de decisão do aumento da conta de água.

Conforme divulgado aqui no Plural, na última segunda-feira (15), a Agência aprovou solicitação de aumento da Sanepar nas contas de água e esgoto. O porcentual, no entanto, foi menor que o solicitado pela estatal, que queria não apenas o aumento do ano, mas também pedir o adiantamento da revisão tarifária, aprovada em 2017 e com última parcela prevista para 2024.

Com isso, a estatal cobrou da Agepar que a aprovação fosse de mais de 22%. Em caso de negativa quanto a solicitação de antecipação, o índice pedido pela empresa foi 12,76%. Em fevereiro, o presidente da Sanepar, Cláudio Stabile, já tinha ventilado o desejo de pedir a antecipação. A empresa, contudo, não afirmava nem negava o porcentual solicitado à agência.

Negando inicialmente a antecipação e também o percentual solicitado para o reajuste, a Agepar aponta que o cálculo que a fez chegar na aprovação dos 12,13% contempla: 3,77% de variação da cesta dos índices IPCA, IGP-M e INPC; 3,79% de variação de custos como, por exemplo, energia e produtos utilizados no tratamento da água; e 4,57% referente a 3º parcela do diferimento definido em 2017.

Com relação à solicitação da Sanepar de antecipação da quitação do diferimento, o Conselho Diretor da Agepar decidiu que esta questão deverá ser apreciada em processo próprio de Revisão Tarifária Extraordinária, inclusive com audiências públicas realizadas com a ampla participação da sociedade civil, da Sanepar e da Agepar. Serão, no mínimo, 5 (cinco) audiências públicas com datas a serem definidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias