20 abr 2022 - 12h00

ANTT suspende todas as linhas de transporte rodoviário da Itapemirim

Itapemirim poderá realizar viagens que já foram vendidas, mas apenas por um prazo de 30 dias a contar desta quarta (20)

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) determinou nesta quarta-feira (20) a suspensão de todas as linhas de transporte rodoviário de passageiros da Itapemirim. Após provocar uma crise no setor aéreo com a tentativa de entrar no mercado de aviação, o grupo agora atravessa “dificuldades operacionais” na atividade rodoviária, segundo a ANTT, motivo que levou a agência reguladora a barrar temporariamente as operações da empresa.

Em nota, o órgão afirmou que a decisão vale até que seja cadastrada frota compatível com as linhas a serem reativadas.

A determinação foi publicada em portaria do Diário Oficial da União (DOU) desta quarta. O texto diz que a Itapemirim poderá realizar viagens que já foram vendidas, mas apenas por um prazo de 30 dias a contar desta quarta.

Segundo a ANTT, a Itapemirim deverá observar os direitos dos passageiros, inclusive com o reembolso de passagens, quando solicitado, ou então remanejamento para outras empresas.

“Essa medida visa assegurar a segurança dos usuários e manter a adequada prestação de serviço de passageiros”, afirmou a agência sobre a determinação.

Recentemente, o segmento de transporte rodoviário de passageiros do grupo Itapemirim já havia passado por problemas. Em dezembro, a empresa chegou a pedir a suspensão de algumas das linhas operadas, logo após a companhia cancelar suas operações aéreas. Em janeiro, no entanto, a Itapemirim voltou atrás na decisão, o que foi atendido pela ANTT.

Foto: divulgação/Itapemirim.

A nova determinação da agência reguladora vem dias após o grupo anunciar a venda da companhia aérea ITA, depois do fracasso que afetou milhares de passageiros no fim do ano.

Anunciada como nova dona da companhia, a consultoria Baufaker tem como endereço listado um coworking em Taguatinga, cidade satélite de Brasília.

O local, porém, é uma sala comercial onde funciona um negócio de segurança eletrônica, alarmes residenciais e cercas elétricas ligado a uma assessoria empresarial.

O Plural é um jornal independente mantido pela contribuição de nossos assinantes. Ajude a manter nosso jornalismo de qualidade. Assine o Plural. Você pode escolher o valor que quer pagar. E passa a fazer parte da comunidade mais bacana de Curitiba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Os comentários feitos em textos do Plural são moderados por pessoas, não robôs, e não são publicados imediatamente. Não publicamos comentários grosseiros, agressões, ofensas, acusações sem provas nem aqueles que promovem tratamentos sem comprovação científica.

Últimas Notícias

É falso vídeo que tenta ligar filho de Lula a Petrobras e a aumento de combustíveis

Diferentemente do afirmado em vídeo, o preço do barril de petróleo não é manipulado por uma empresa internacional que investe na Petrobras. O preço varia, na verdade, com a oferta e demanda do produto no mundo. Além disso, nenhum filho do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) é sócio de empresa investidora da companhia e o presidente Jair Bolsonaro (PL) não instaurou uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar os acionistas da petroleira. O conteúdo é falso

Projeto Comprova

É de graça


E vai continuar assim. Mas o nosso trabalho só existe porque ele é financiado por você, leitora e leitor, e por parceiros. Ajude o Plural a continuar independente. Apoie e assine por valores a partir de R$ 5 por mês.

Já é nosso assinante?
Faça seu login com email ou nome de usuário

Não é assinante?  Assine por valores a partir de R$ 5 por mês.

This will close in 20 seconds