Livro de paranaenses homenageia 130 anos de cultura ucraniana no Brasil - Jornal Plural
14 out 2021 - 12h00

Livro de paranaenses homenageia 130 anos de cultura ucraniana no Brasil

Obra escrita por Diego Antonelli, Andreiv Choma e Talita Seniuk será lançada nesta sexta (15), em evento em Curitiba

Detalhes e sutilezas da cultura e da tradição ucraniana no Brasil estão agora documentados em livro. A obra “Ucrânias do Brasil: 130 anos de cultura e tradição ucraniana”, escrita por Diego Antonelli, Andreiv Choma e Talita Seniuk, será lançada nesta sexta (15), em Curitiba.

O evento será às 19h30, no antigo Solar do Rosário, hoje sede da Fundação Cultural de Curitiba (Rua Dr. Claudino dos Santos, 142 – Largo da Ordem). A organização obedecerá a todos os protocolos sanitários da Covid-19 vigentes na cidade.

A obra apresenta ao leitor fotos raras e reconstrói a trajetória de famílias ucranianas em um território, até então, desconhecido. O fio se desenlaça com base nas memórias culturais da terra natal. “Com o passar dos dias e dos anos, esse processo foi ganhando uma nova roupagem que ora retirou ora acresceu elementos, diluindo-os numa nova realidade social e cultural”, adianta Choma, que é vice-presidente da Sociedade Ucraniana do Brasil e diretor cultural do Folclore Ucraniano Barvinok, de Curitiba.

As páginas são, assim, um resgate desse  processo histórico e tenta, sobretudo, levar ao leitor os principais elementos culturais ucranianos que resistem no Brasil, mesmo depois de 130 anos da chegada dos primeiros grupos de famílias ucranianas ao país. O prefácio é assinado pelo presidente da Representação Central Ucraniano-Brasileira, Vitório Sorotiuk.

Os cinco capítulos que compõem a obra tratam desde o processo histórico da imigração, registrando as três grandes ondas imigratórias (final do século 19, pós-Primeira Guerra Mundial e pós-Segunda Guerra Mundial) e as dificuldades de adaptação no Brasil e as perseguições durante o período do Estado Novo (1937-1945), à apresentação de uma espécie de “glossário cultural”, explicando os termos e os principais costumes ucranianos mantidos no Brasil.

“É fundamental olharmos para o passado e percebermos a importância social, cultural e econômica dos primeiros imigrantes para a constituição de parte do Brasil”, registra a historiadora Talita.

O livro foi publicado em formato impresso e digital e podem ser comprados no site da editora Máquina de Escrever, na Amazon e nas livrarias de Curitiba.

“Olhar para o passado nos faz entender o nosso presente e ajuda a projetarmos nosso futuro. Esse é um dos principais objetivos do livro”, complemente o jornalista Antonelli.

Se puder, assine o Plural. Você pode escolher o valor que quer pagar. Isso faz muita diferença para nós: ser financiados por leitoras e leitores. As assinaturas nos mantêm funcionando com uma equipe que hoje tem oito pessoas e dezenas de colaboradores. Somos um jornal que cobre Curitiba em meio aos obstáculos da pandemia e fazemos isso com reportagens objetivas, textos de opinião e de cultura, charges e crônicas. Obrigado pela leitura.

Assuntos:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias