Festival de Curitiba reduz mostra principal para 14 peças e cancela o Fringe | Jornal Plural
Clube Kotter
30 mar 2020 - 17h06

Festival de Curitiba reduz mostra principal para 14 peças e cancela o Fringe

Evento importante do teatro no país procura se adaptar depois do atraso imposto pelo coronavírus e confirma programação entre os dias 1º e 13 de setembro

Antes do adiamento imposto pela pandemia, eram 25 espetáculos programados para mostra 2020 do Festival de Curitiba e mais de 300 peças dentro do Fringe, a mostra paralela do evento. Então veio o coronavírus e obrigou a organização a remarcar o FTC para setembro, um atraso de quase seis meses.

Agora, as datas de 1º a 13 de setembro foram confirmadas e, se nada der errado, devem ser mantidas, junto com uma versão condensada do evento. Nessa versão condensada, a mostra 2020 conta com 14 peças (13 delas confirmadas e uma ser anunciada nas próximas semanas) e o Fringe foi cancelado.

A programação se concentra em apenas três espaços e, a princípio, ficou assim:

Guairão

  • Dias 1º e 2 de setembro
    “Eu de você”, às 21h
  • Dias 4 e 5 de setembro
    “Novos Baianos – O musical”, às 21h
  • Dia 10 de setembro
    “Show AmarElo, com Emicida”, às 21h
  • Dias 11 e 12 de setembro
    “O mistério de Irma Vap”, às 21h

Guairinha

  • Dias 2 e 3 de setembro
    “Todomundo!”, às 21h
  • Dias 5 e 6 de setembro
    “A hora da estrela”, às 21h (dia 5) e 19h (dia 6)
  • Dias 8 e 9 de setembro
    “Angels in America”, às 21h
  • Dias 11 e 12 de setembro
    “Sodoma Gomorra: Antunes Filho”, às 21h

Bom Jesus

  • Dias 2 e 3 de setembro
    “Quer ver escuta”, às 21h
  • Dias 4 e 5 de setembro
    “O que mantém um homem vivo”, às 21h
  • Dias 6 e 7 de setembro
    “Auto da Compadecida”, às 21h (dia 6) e 19h (dia 7)
  • Dias 9 e 10 de setembro
    “Abjeto, sujeito: Clarice Lispector”, às 21h
  • Dias 12 e 13 de setembro
    “Potestad”, às 21h (dia 12) e 19h (dia 13)

Boas notícias

O FTC teve de abrir mão do Fringe, mas conseguiu manter todos os outros eventos da programação, com poucas alterações: Risorama (inalterado), Mishmash (duas sessões em vez de três), Guritiba (inalterado), Interlocuções (com atividades a serem divulgadas pela organização) e Gastronomix (inalterado).

Caso já tenha comprado ingressos, se o espetáculo continua na programação e se você ainda quer ver a peça, não precisa fazer nada. O ingresso continua valendo para o mesmo dia da semana (apesar de ter sido transferido para setembro), mesmo horário e mesmo assento.

Se o espetáculo para o qual havia comprado ingresso não está mais na programação, você tem duas opções: trocar por outro espetáculo ou solicitar o reembolso do valor. No primeiro caso, é só ir até uma das bilheterias do evento e solicitar a troca (se houver troco, o cliente recebe a diferença em dinheiro).

Se optar pelo reembolso do valor gasto em ingressos, é preciso escrever para o e-mail [email protected] e fazer a solicitação. De acordo com o comunicado do FTC, a devolução será feita pelo mesmo canal de compra: seja ele crédito, débito ou depósito do valor em conta (caso tenha pagado em dinheiro).

Para incentivar o público a participar, o FTC está oferecendo 50% do valor gasto em ingressos como crédito para quem quiser comprar ingressos para outras peças ou eventos. Se você gastou R$ 140 em ingressos, por exemplo, já têm um crédito de R$ 70 disponível no sistema do FTC.

Ei, você! O Plural pretende sempre oferecer conteúdo gratuito e de qualidade. Mas isso só é possível se a gente tiver apoio de quem gosta do projeto. Olha só: você clica aqui, faz uma assinatura de R$ 15 e ganha um jornal para a cidade. Tá barato, hein?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias