Bienal de Quadrinhos de Curitiba é adiada para 2021 | Jornal Plural
Clube Kotter
12 maio 2020 - 12h16

Bienal de Quadrinhos de Curitiba é adiada para 2021

Nova data do evento será divulgada em breve; edição programada para agosto deveria atrair pelo menos 20 mil pessoas

Em comunicado na manhã desta terça-feira (12), a organização da Bienal de Quadrinhos de Curitiba anunciou que a edição de 2020 foi adiada. “E isto é importante”, diz o comunicado, “é um adiamento, e não um cancelamento”. Isso significa que a programação prevista para este ano será movida para o ano que vem, com data ainda a ser confirmada.

A Bienal, como o nome deixa claro, ocorre ano sim ano não, mas ainda não há uma posição oficial sobre se ela manterá a edição de 2022 ou se adotará os anos ímpares a partir de 2021.

Neste ano, o evento estava marcado para os dias 6 a 9 de agosto, no Museu Municipal de Arte (MuMA). Com uma estimativa de público de pelo menos 20 mil pessoas, os riscos de reunir essa quantidade de gente em um mesmo lugar são evidentes em meio à pandemia. “Vamos, então, respeitar as orientações para preservar a vida”, diz a organização da Bienal.

O tema da edição adiada para 2021 é a relação entre música e quadrinhos. O evento será gratuito, como de costume, e promoverá debates, exposições, oficinas e sessões de cinema, além de uma feira de quadrinhos.

Serviço

Um pouco para compensar o vazio deixado pelo adiamento da edição de 2020, a Bienal de Quadrinhos de Curitiba deve lançar uma programação on-line ainda neste ano, por meio de suas redes sociais e do site do evento.

Ei, você! O Plural pretende sempre oferecer conteúdo gratuito e de qualidade. Mas isso só é possível se a gente tiver apoio de quem gosta do projeto. Olha só: você clica aqui, faz uma assinatura de R$ 15 e ganha um jornal para a cidade. Tá barato, hein?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias