fbpx

Ministro da Operação Integração vai julgar Richa no STJ

Compartilhe

O ministro Antonio Saldanha Palheiro vai julgar o Habeas Corpus que soltou o ex-governador Beto Richa (PSDB). Inicialmente, a decisão seria da ministra Laurita Vaz mas, nesta quinta-feira, o STJ redistribuiu o processo e entregou a sua relatoria para o juiz competente para analisar a causa.

Palheiro é ministro do STJ desde 2016 e foi o escolhido para decidir o destino de Richa em razão de já ter julgado eventos relativos à Operação Integração I e II, os desdobramentos levaram a prisão preventiva do ex-governador.

Lembrando que o tucano foi preso em 25 de janeiro sob a acusação de estar agindo para intimidar testemunhas e obstruir as investigações. Porém, foi liberado apenas seis dias depois em um HC de caráter liminar concedido pelo presidente do STJ, João Otávio Noronha. A decisão pode ser mantida ou anulada a qualquer momento.

A única coisa que se sabe é que o desfecho penal das acusações contra Beto Richa não deve ser rápido. Também no dia 31, Noronha suspendeu, a pedido da defesa dos irmãos Richa, o prosseguimento da ação referente à Operação Rádio Patrulha, que tramita na justiça estadual. Na ocasião, as audiências de 62 réus e testemunhas foram canceladas.


Related Posts

O ocaso de Beto Richa

O ocaso de Beto Richa

Compartilhe

CompartilheÀs vésperas do ano novo, Beto Richa decidiu ir à piscina do Iate Clube de Caiobá. Não seria nada de estranhar: o tucano é frequentador do local há muito tempo. Porém, dessa vez, segundo alguns amigos, tratava-se de um teste de popularidade. Beto queria saber […]

Balanço de Cida mostra que Paraná perdeu R$ 2,4 bilhões em seus nove meses de gestão

Compartilhe

CompartilheAo discursar na transmissão de cargo para seu sucessor, Ratinho Jr. (PSD), nesta terça-feira, a ex-governadora Cida Borghetti (PP) fez um balanço de seus nove meses de gestão. Cida assumiu em abril, quando Beto Richa (PSDB) saiu do governo para dar início à sua desastrada […]