RELATÓRIO DA COMISSÃO ESTADUAL DA VERDADE DO PARANÁ SOBRE ALUÍZIO PALMAR

Compartilhe:

Fundador do MR 8 (o primeiro, de Niterói), em 1969 é preso e trocado, junto com outros revolucionários pelo embaixador da Suíça no Brasil, Giovanni Enrico Bucher. Após sua libertação e banimento do País, passou a militar na VPR – Vanguarda Popular Revolucionária, organização que militavam também as seis vítimas da chacina do Parque Nacional do Iguaçu, caso relatado anteriormente. Com a anistia política de 1979, voltou ao Brasil e deu início à carreira jornalística em Foz do Iguaçu

9 – CASO ALUIZIO PALMAR

Compartilhe:

Arquivos para download:

Aluizio Palmar

Os documentos dos arquivos da ditadura devem ser vistos com o olho crítico da dúvida, pois foram escritos por pessoas treinadas para mentir, contrainformar, caluniar, prender, torturar e matar.
Espero que Documentos Revelados contribua para a compressão dos acontecimentos das décadas passadas, dos métodos de controle usados pelo Estado Policial e estimule os visitantes a ter um compromisso ativo com a democracia.
Documentos Revelados é resultado de anos de garimpagem em arquivos públicos e particulares, de caixas e pastas, repletas de mandados de prisão, informes,radiogramas, ofícios, dossiês,relatórios e outros tipos de documentos produzidos pela burocracia policial.

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *