Top
Forças ArmadasRepressãoSNI

DITADURA ESPIONOU ARTISTAS E FUNCIONÁRIOS DA GLOBO

Compartilhe:

“Documentos produzidos pela ditadura militar revelam que o Serviço Nacional de Informações (SNI) espionou artistas e funcionários da TV Globo, acusando-os de envolvimento com os partidos comunistas. O documento intitulado “Infiltração comunista na TV Globo” lista atores como Francisco Cuoco e o comediante Paulo Silvino, além de Cláudio Marzo e Flávio Migliaccio, entre outros.

Entre as pessoas monitoradas que eram próximas do Partido Comunista Brasileiro estava o teatrólogo Dias Gomes. A ditadura não livrou nem Janete Clair, a primeira grande escritora de novelas da televisão. O escritor Lauro César Muniz, o diretor musical Guto Graça Melo e o redator Armando Costa — que mais tarde criou a “Grande Família” com Oduvaldo Vianna Filho — também foram alvos da arapongagem.

Com o carimbo de confidencial, o documento foi produzido em 5 de dezembro de 1975  pela Agência do SNI no Rio de Janeiro.” Anselmo Gois

Compartilhe:

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *