A espionagem da Itaipu controlava os paraguaios democratas

Compartilhe:

A comunidade paraguaia de Foz do Iguaçu sempre esteve no alvo dos órgãos de repressão da

AESI Itaipu investigou membros do Partido Liberal Radical Autêntico em Foz do Iguaçu

ditadura civil-militar. Do outro lado da Ponte prevalecia o general Alfredo Stroessner, que comandava uma das tiranias mais antigas da América Latina. Ainda antes da criação da Operação Condor, os generais paraguaios e brasileiros trocavam informações e presos políticos.

A Assessoria de Segurança e Informações de Itaipu foi um dos órgãos repressivos encarregados

de vigiar os paraguaios que não rezavam pela cartilha do general Stroessner.

Compartilhe:

Aluizio Palmar

Os documentos dos arquivos da ditadura devem ser vistos com o olho crítico da dúvida, pois foram escritos por pessoas treinadas para mentir, contrainformar, caluniar, prender, torturar e matar.
Espero que Documentos Revelados contribua para a compressão dos acontecimentos das décadas passadas, dos métodos de controle usados pelo Estado Policial e estimule os visitantes a ter um compromisso ativo com a democracia.
Documentos Revelados é resultado de anos de garimpagem em arquivos públicos e particulares, de caixas e pastas, repletas de mandados de prisão, informes,radiogramas, ofícios, dossiês,relatórios e outros tipos de documentos produzidos pela burocracia policial.

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *