Luta dos colonos desapropriados por Itaipu

Compartilhe:

A partir da década de 1970, com o início das obras da Usina Hidrelétrica de Itaipu Binacional,

cerca de 40 mil pessoas, ao longo dos oito municípios brasileiros afetados pela formação do lago,

começaram a viver o drama da expropriação, sendo aproximadamente 20 mil o número de

desapropriados no Paraguai, num dos maiores processos migratórios da história contemporânea.

A fase específica das desapropriações na região Oeste do Paraná ocorreu entre 1978 e 1982,

período em que se verificou a ocorrência de expressivas reuniões e assembléias, onde os colonos

expuseram os problemas, levantaram suas reivindicações e discutiram  as propostas apresentadas

pela direçao da Itaipu.

Compartilhe:

Aluizio Palmar

Os documentos dos arquivos da ditadura devem ser vistos com o olho crítico da dúvida, pois foram escritos por pessoas treinadas para mentir, contrainformar, caluniar, prender, torturar e matar.
Espero que Documentos Revelados contribua para a compressão dos acontecimentos das décadas passadas, dos métodos de controle usados pelo Estado Policial e estimule os visitantes a ter um compromisso ativo com a democracia.
Documentos Revelados é resultado de anos de garimpagem em arquivos públicos e particulares, de caixas e pastas, repletas de mandados de prisão, informes,radiogramas, ofícios, dossiês,relatórios e outros tipos de documentos produzidos pela burocracia policial.

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *