Top
OutrosResistência

EM 1978, “TREM SUBVERSIVO” MOBILIZOU UM BATALHÃO DE AGENTES POLICIAIS NA CENTRAL DO BRASIL

No período da ditadura militar eram comum as pixações feitas por populares. Eram ações espontâneas  do povo revoltado com o arrocho salarial, a carestia e a falta de liberdade.

No dia 7 de Novembro de 1978, agentes ferroviários, do DOPS, da PF  e outros policiais entraram em polvorosa quando o trem UDC. 90 entrou na Linha A, Plataforma 2, da estação Central do Brasil. O motivo do alarde foram algumas inscrições “subversivas” nos vagão 527.

Quando um batalhão de agentes apagavam as inscrições foi encontrado um caderno escolar  no vagão, levou os policiais até um menor de 16 anos, estudante do curso ginasial e também no Senai  . O menino foi levado até a delegacia do DOPS e levou um pau danado. Decorridas algumas horas de interrogatório os agentes da ditadura liberaram o menor após verificarem que o coitado não tinha nada a ver com as pixações.

As inscrições encontradas no trem  eram de protestos contra as eleições viciadas por atos autoritários.

Assim como em 1974, o pleito de 1978 foi realizado pelo governo Ernesto Geisel sob a égide de uma abertura “lenta, gradual e segura” e em nome desse objetivo o chefe da nação urdiu um conjunto de regras para assegurar a maioria situacionista no pleito de 15 de novembro reunidas no Pacote de Abril baixado em 1977. Em resumo, o pacote manteve as eleições indiretas para governador de estado e para assegurar a maioria parlamentar da ARENA no Congresso Nacional criou o senador biônico e ampliou a bancada dos estados menos populosos na Câmara dos Deputados.

DELEGACIA DE ORDEM POLÍTICA E SOCIAL

PB 0253

07 NOV78

ASSUNTO: ” TREM PROCEDENTE DE DEODORO DEU ENTRADA NA ESTACÃO CENTRAL DO BRASIL COM UM VAGÃO PICHADO:  “CORAGEM MEU POVO UM DIA ISSO ACABA. (…) GEISEL É LADRAO. VIVA A LIBERDADE”

Os documentos podem ser visualizados em pdf (links abaixo) ou como imagem (JPG)

http://pt.scribd.com/doc/101859138

http://pt.scribd.com/doc/101859104

http://pt.scribd.com/doc/101859149

http://pt.scribd.com/doc/101859156

http://pt.scribd.com/doc/101859162

http://pt.scribd.com/doc/101859172

 

Compartilhe:

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *