NÃO CALO O GRITO. MEMÓRIA VISUAL DA DITADURA CIVIL-MILITAR NO RIO GRANDE DO SUL

Compartilhe:

Fruto de Projeto desenvolvido pelo CAMP em parceria com o Ministério da Justiça através de edital do Projeto Marcas da Memória, da Comissão de Anistia entre 2012 e 2013, o livro Não calo Grito: Memória Visual da Ditadura civil-militar no Rio Grande do Sul está disponível on line. Os autores da obra são Carla Simone Rodeghero, Dante Guimaraens Guazzelli, Gabriel Dienstmann.

A obra traz mais de 300 imagens (principalmente fotos e charges) sobre a ditadura no Rio Grande do Sul e visa contribuir para a sistematização do conhecimento histórico e para o resgate da memória visual do período ditatorial aqui no estado. A ideia desta publicação surgiu a partir da constatação de que as imagens mais divulgadas sobre a ditadura se concentravam em fatos e personagens geralmente localizados no centro do país.

Fazem parte do livro trabalhos de Assis Hoffmann, Eduardo Tavares, Antônio Vargas, Luiz Eduardo Achutti, Ricardo Chaves, Daniel de Andrade Simões, Jaqueline Joner, Luiz Abreu, Eneida Serrano, Sampaulo, Bendati, Santiago, Edgar Vasques, Canini, Luiz Fernando Verissimo, Wilson Cavalcanti, Juska, Eugênio Neves, Bier, entre outros.

Baixe a Obra aqui.

Compartilhe:

Arquivos para download:

Aluizio Palmar

Os documentos dos arquivos da ditadura devem ser vistos com o olho crítico da dúvida, pois foram escritos por pessoas treinadas para mentir, contrainformar, caluniar, prender, torturar e matar.
Espero que Documentos Revelados contribua para a compressão dos acontecimentos das décadas passadas, dos métodos de controle usados pelo Estado Policial e estimule os visitantes a ter um compromisso ativo com a democracia.
Documentos Revelados é resultado de anos de garimpagem em arquivos públicos e particulares, de caixas e pastas, repletas de mandados de prisão, informes,radiogramas, ofícios, dossiês,relatórios e outros tipos de documentos produzidos pela burocracia policial.

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *