DITADURA CONTROLOU E FICHOU MINISTRO LUIZ EDSON FACHIN, DO STF

Compartilhe:

Em 14 de outubro de 1975, dois agentes da Polícia Federal de Foz do do Iguaçu, se infiltram em um congresso estudantil que estava sendo realizado na vizinha cidade de Marechal Cândido Rondon, localizada a 164 km da fronteira.

Os agentes da Polícia Federal se infiltram no evento estudantil, identificando-se como representantes da “União Iguaçuense de Estudantes Secundários”, entidade inventada na hora pelos espiões..

O evento era o III ELPAE- Encontro de Líderes e Preparação Político Administrativo Estudantil, cujo principal palestrante foi o presidente da UPES- União Paranaense dos Estudantes, Luiz Edson Fachin.

 

Compartilhe:

Arquivos para download:

Aluizio Palmar

Os documentos dos arquivos da ditadura devem ser vistos com o olho crítico da dúvida, pois foram escritos por pessoas treinadas para mentir, contrainformar, caluniar, prender, torturar e matar.
Espero que Documentos Revelados contribua para a compressão dos acontecimentos das décadas passadas, dos métodos de controle usados pelo Estado Policial e estimule os visitantes a ter um compromisso ativo com a democracia.
Documentos Revelados é resultado de anos de garimpagem em arquivos públicos e particulares, de caixas e pastas, repletas de mandados de prisão, informes,radiogramas, ofícios, dossiês,relatórios e outros tipos de documentos produzidos pela burocracia policial.

Você também pode gostar...

1 comentário

  1. Mariana Ivens diz:

    E dizer que ele hoje virou mais um ministro acovardado ou conivente … quem diria?

Deixe uma resposta para Mariana Ivens Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *