Aeroporto de Foz do Iguaçu tem a maior pista do Sul do Brasil? Não é bem assim - Jornal Plural
21 set 2021 - 8h30

Aeroporto de Foz do Iguaçu tem a maior pista do Sul do Brasil? Não é bem assim

Ampliação da pista foi inaugurada em abril, mas até agora não foi utilizada por falta de homologação

“Aeroporto de Foz do Iguaçu ganha a maior pista de pousos e decolagens do Sul”. Essa foi uma manchete da Agência de Notícias do Paraná em 7 de abril deste ano, quando o governador Ratinho Junior e o presidente Jair Bolsonaro inauguraram a obra de ampliação da pista do aeroporto no Oeste do estado.

O teatro todo com governador, presidente, políticos, ministros, papagaios de pirata e afins, ganhou sessão de fotos, banners e toda a tradicional pompa de uma inauguração que conta com recursos públicos. Para ser exato, a obra custou R$ 53,9 milhões, sendo 20% de responsabilidade da Infraero e 80% da Itaipu.

De 2.194 metros de comprimento, a pista passou a ter 2.858 metros. De fato, a medida é superior a qualquer outra pista da região Sul do Brasil. Mas existe um porém. Sempre existe um porém.

Já se passaram mais de cinco meses desde a inauguração oficial. E até agora nenhum avião, repito, nenhum avião, usou esses quase 700 metros de asfalto. Essa parte da pista do aeroporto de Foz do Iguaçu segue intacta. Só passaram por ela políticos e o pessoal da obra.

A rotina no aeroporto segue igual, afinal de contas. Os aviões que chegam à cidade usam apenas o espaço já existente. Na decolagem, a mesma situação, sequer um metro a mais para tornar a operação mais tranquila.

O motivo dessa situação é um velho conhecido dos aeroportos brasileiros: falta de homologação. Toda alteração na estrutura de um aeroporto precisa passar pela aprovação de diversos órgãos para atestar que está dentro dos padrões técnicos e de segurança.

Isso significa que a ampliação da pista precisa ter o aval do Centro Integrado de Defesa Aérea e Controle de Tráfego Aéreo (Cindacta), do Instituto de Cartografia Aeronáutica (ICA) e da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

Ou seja, apesar da manchete chamativa, o aeroporto de Foz do Iguaçu ainda não tem, para valer, a maior pista do Sul do país. Mas como o que vale por aqui é discurso, plaquinha e muita foto, fazemos de conta que são 2.858 metros de asfalto utilizáveis.

Este texto é de responsabilidade do autor/da autora e não reflete necessariamente a opinião do Plural.

7 comentários sobre “Aeroporto de Foz do Iguaçu tem a maior pista do Sul do Brasil? Não é bem assim

    1. Para receber avioes de maior porte, mas principalmente decolagem de aviões mais carregados (de combustivel) pra voos mais longos. Um aviao precisará mais pista pra decolar com tanques totalmente abastecidos, que poderao fazer voos diretos pra locais mais distantes.

    2. Tornar o aeroporte acessivel a aviões de grande porte com vistas a receber voos internacionais. Isso fara do aeroporto um destino final de turismo internacional sem a necessidade de escalas em São Paulo ou Rio e tambem podera servir de escala entre voos na America Latina.

  1. Cara…. que matéria tendenciosa. Como se independente do momento que fossem inauguradas as obras não fosse precisar homologar. Por óbvio o tempo que levam alguns procedimentos no Brasil são demasiadamente longos, tudo em função da burocracia, mas em especial a avião no Brasil é um setor que tem se destacado mundialmente, no que tange regulamentação e controle, mas que demanda de especial cuidado, qualquer pessoa que conhece a aviação, nem que seja um pouco, sabe que tudo tem redundância de segurança e que procedimientos são levados muito a sério. Assim, a matéria tenta colocar como falsa a inauguração, possivelmente com intuito “politiqueiro” (porque sequer pode ser chamar tal ato de política), mas ignora que fosse no momento que fosse o término da obra (que a própria matéria confirma) e a inauguração seria necessário o tempo de homologação. Não faria sentido terminar a obra e esperar a homologação pra inaugurar, até porque são competências distintas, a obra está pronta e quanto antes pronta, antes será homologada, mas parece um raciocínio demasiadamente complexo pro nobre “notíciante”.

    1. Oi Bernardo, tudo bem? Nosso colunista, que é especializado no assunto, está relatando fatos. A pista foi inaugurada, mas permanece sem uso por não ter sido homologada. A leitura “política” (uso o termo entre aspas aqui porque seu uso é equivocada) é sua. É possível discordar ou questionar o conteúdo do colunista sem agredi-lo nem fazer ilações sem sentido. Se quiser continuar a participar do diálogo aqui no Plural, por favor, aprenda isso.
      Att, Rosiane

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias