O desafio do sucesso | Plural
escola-publica-de-qualidade
21 jun 2020 - 21h55

O desafio do sucesso

Manter seus ideais ou se adaptar aos novos tempos?

– Que bom que você pode vir a reunião.

– Claro, quero fazer acontecer.

– Então…

– Olha, sou adulto.

– Aham.

– Estou nessa vida há muito.

– Aham.

– Fala sua questão, eu resolvo.

– Aham… Bom, só lembrando que o nosso objetivo é fazer de você um músico conhecido nacionalmente.

– Isso.

– Porque você tem essa poesia com suas letras, da sonoridade, do uso do português do dia a dia com essa brincadeira com os lusitanismos.

– Pois.

– Sua música, última, “Dores da Outrora da Quebrada” fez todo mundo aqui chorar muito.

– Poxa, fico lisonjeado.

– Mas… Não dá pra lançar.

– Mas eu escutei o som, tá cristalino. O arranjo ficou animal.

– Tá animal mesmo, mas falta o essencial.

– Qual? Tem até refrão meio chiclete, pra todo mundo querer cantar.

– É, tem, mas não estamos mais nos anos noventa, né? Tá faltando o essencial de hoje em dia.

– Quê?

– Tem que ter aquele momento mágico da música.

– ?

– … que pode ser usado em desafio de TikTok.

– … cê tá de sacanagem?

– Não. Faz diferença.

– Já tinha ouvido falar de colocar marca na letra, pra vender, mas isso é…

– O futuro. E o futuro chegou.

– Não posso. Não posso.

– Olha, assim. A gente não quer te provocar.

– Sei!

– Mas o pessoal do escritório teve uma ideia.

– …?

– Na linha “Da’onde surgistes em verso e prosa/ Dou-te aconchego bela rosa” poderia ser “Da’onde surgistes que não te achei/ Olha que surpresa te preparei”.

– Oi?

– Por que vai ser o desafio do que estava na frente da câmera que a pessoa não percebeu, entende? Tipo uma maçã, que tava na frente de uma camiseta vermelha e você só repara quando a pessoa pega a maçã na mão! Vai bombar.

– Vai bombar na música de outra pessoa, porque na minha não!

– Escuta…

– Não escuto mais, se escutar é ouvir esse tipo de coisa!

– Olha só, é uma frase…

– Que compromete minha poesia!

– Eu te proponho que a gente grave a alteração e lance as duas versões.

– … a minha original e essa com desafio?

– Isso. Se uma der certo e a outra não, a gente fica sabendo. Pode ser?

– …

– Você me pediu sucesso. É isso que eu quero te dar.

– Ok, eu faço.

– Perfeito

(Semanas depois)

– Oi.

– Tô com os resultados.

– Diz.

– Sua música original é realmente muito boa. As pessoas adoram. Em uma das plataformas teve quase 10.000 downloads.

– Sabia.

– Realmente muito bom.

– E a outra?

– A outra foi diferente.

– Ah! Sabia. Recusaram por causa da comercialização excessiva?

– Não, teve dois milhões de acessos. Teve muito gringo fazendo e sua música foi Top 3 Estados Unidos. Só foi mais ou menos na China.

(Semanas depois)

– Opa, já tem uma música nova?

– Sim, já tá aqui.

– Como é o nome?

– 摇动臀部,使头部保持原位, que é “Agite os quadris e deixe a cabeça no lugar”.

– Gênio!

Este texto é de responsabilidade do autor/da autora e não reflete necessariamente a opinião do Plural.

Últimas Notícias