23 ago 2021 - 8h30

Como encontrar mão de obra?

Algumas vezes existe a sobrecarga por falta de processos bem definidos, outras vezes é porque a divisão de tarefas não está feita corretamente

Uma das grandes queixas do empresário é a mão de obra.

Como contratar pessoas para minha empresa?

Existem muitas empresas especializadas para te ajudar na contratação, mas antes eu preciso entender: você sabe para qual função esse funcionário será contratado?

É importante que a empresa saiba para que precisa contratar, para onde precisa contratar e o que o novo funcionário irá fazer.

Muitas vezes me deparo com situações em que existe a necessidade de mão de obra, mas não se sabe exatamente por que precisa. Parece estranho isso não? Vou explicar.

A empresa está crescendo, as atividades começam a sobrecarregar alguns funcionários e a equipe começa a reclamar. O gestor rapidamente sinaliza que precisa de mais gente, no entanto esquece de parar para entender o que está sobrecarregando sua equipe.

Algumas vezes existe a sobrecarga por falta de processos bem definidos, outras vezes é porque a divisão de tarefas não está feita corretamente.

O que isso tem a ver com a necessidade de contratação?

Quando não existe processo, e quando a divisão de tarefas está equivocada, abre espaço para erros e isso gera retrabalho e sobrecarga de trabalho.

Tenha processos definidos, as informações que nascem no comercial devem chegar corretamente para o financeiro. Uma boa venda deve ter um bom cadastro de clientes. A negociação deve ser corretamente registrada. Informações consistentes garantem que o cliente terá um bom atendimento e se sentirá valorizado dentro da empresa.

Defina corretamente as funções da sua equipe. Lembre-se da importância da segregação de função, isso garante a qualidade do trabalho e a segurança das informações.

Descreva o tipo de funcionário que você procura. Essa pessoa vai compor sua equipe, ela precisa ter competências comportamentais, técnicas e organizacionais que agreguem seu time de funcionários.

Deixe clara a função que o funcionário irá desempenhar. Se por exemplo ele for contratado para o financeiro, ele deverá processar e efetuar a programação dos pagamentos diários nos bancos, realizar conciliação bancária, ou seja, atividades afins à sua função.

Descreva suas atribuições, como realizar cobrança e acompanhar o fluxo de caixa, essas deverão ser as atividades para as quais o funcionário estará sendo contratado, portanto são as atividades que a empresa espera que ele desempenhe.

Perceba que ao pensar nesses itens a contratação ficará mais fácil. Esse levantamento de dados certamente irá permitir que se desenhe a pessoa que se procura.

Itens como línguas, experiencia na função, graduação também podem fazer parte desse descritivo.

Ao ser contratado apresente-o ao time de trabalho, explique como a empresa funciona, lhe forneça material para sua atividade, por exemplo, se for um funcionário para o administrativo já garanta que ele terá computador, com seu login e senha, muitas empresas já providenciam o “kit boas vindas” com canetas, bloquinhos e caderno para anotações.

Explique e repasse para o funcionário a atividade que ele irá desempenhar. Converse sobre seu currículo e explique o motivo da escolha. Faça-o se sentir acolhido.

A escolha de uma pessoa para sua equipe é muito importante. Tenha muito cuidado com o processo seletivo. Esses processos tomam o tempo da empresa e do candidato. Seja assertivo. Conte com empresas especializadas na atividade e a ajude a encontrar a pessoa certa passando informações corretas sobre a oportunidade em aberto.

Ficou com dúvidas?

Deixe seu comentário! Conte suas experiências e divida conosco seus questionamentos!

Este texto é de responsabilidade do autor/da autora e não reflete necessariamente a opinião do Plural.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias

Radiocaos Fosfórico

Neste episódio os textos e ideias combustíveis de Trin London, Merlin Luiz Odilon, Menotti Del Picchia, Alana Ritzmann, Otto Leopoldo Winck, Gabriel Schwartz, Cyro Ridal, Robson Jeffers, Guilherme Zarvos, Carlos Careqa, Clarice Lispector, Luciano Verdade, Giovana Madalosso, Charles Baudelaire, Arnando Machado, Edilson Del Grossi, Francisco Cardoso, Liliana Felipe, Valêncio Xavier, Carlos Vereza, Ícaro Basbaum, Mauricio Pereira, Mano Melo, Monica Prado Berger, Amarildo Anzolin, Antonio Thadeu Wojciechowski, Marcelo Christ Hubel, Cida Moreira, entre outros não menos carburantes.

Redação Plural.jor.br